“Eu batia a cabeça dos meus filhos contra as paredes”