Humberto

“A minha vida era um desastre”

huberto500

O casamento de Humberto encontrava-se ameaçado por todo o tipo de males, não existindo qualquer réstia de esperança. Então, quando nada na vida nos faz feliz e parece não existir qualquer luz ao fundo do túnel, como é que podemos recuperar a alegria de viver?

Por vezes, parece que nada dá certo na vida e que tudo e todos estão contra nós, não existindo sequer uma pequena luz ao fundo do túnel. Assim era a vida deste casal, que viu todas as áreas da sua existência serem atingidas pela ação das forças do mal, tal como nos relatou Humberto.

“A minha vida era um fracasso, inclusive cheguei a frequentar a bruxaria. O meu casamento esteve por um fio. Ao ponto de ficarmos quatro dias separados, devido às discussões e à falta de compreensão, aliado ao facto de vivermos em casa de familiares.

Lá diz o ditado: ‘quem casa, quer casa’. Mas resolvemos permanecer juntos”. Contudo, para piorar ainda mais a já difícil situação vivida, surgiu a doença: “a minha esposa sofria de depressão e tomava mais de 20 comprimidos por dia”.

Um passo para a transformação
“Quando começámos a frequentar o Centro de Ajuda, foi do zero. E, aos poucos, a nossa situação foi-se resolvendo. Começámos a entender-nos, a amar-nos, enfim, a nossa família foi-se modificando, assim como a nossa forma de ser e de pensar. E isso aconteceu quando colocámos em prática a Palavra de Deus, aliada a uma fé inteligente. Eu já tinha sede de buscar algo superior, sobrenatural, mas não me era revelado esse poder. Lembro-me que, na altura, considerava o Centro de Ajuda como a última porta em que iria entrar, já que tinha andando por tantos bruxos e nunca surgiu uma transformação.

Mesmo aí existindo muitas dificuldades financeiras, resolvi sacrificar e participar na Campanha de Israel, que é um propósito que nos dá força e coragem para nos lançarmos na conquista de sonhos”.

Sonhos realizados
Humberto diz que foi obtendo mudanças gradativas, libertação, paz e força espiritual. E o propósito da Campanha de Israel foi a oportunidade a que ele se agarrou para ver concretizado o que esperava de Deus. “Através do sacrifício voluntário para Deus, em várias Campanhas de Israel, conquistei a minha própria habitação e a saúde da minha esposa. E, à medida que ia conhecendo mais da Palavra de Deus, fomos conquistando mais coisas boas.Inclusive, ao vender a minha casa, ainda sobrou dinheiro para viajarmos para Israel”.

Hoje, Humberto relata, com a felicidade estampada no rosto, as mudanças que a fé inteligente operou na sua vida e na dos seus entes queridos. “Não sou mais um homem oprimido, que parecia que andava com uma mochila carregada de pedras às costas. Ando de cabeça erguida, pois tenho a direção certa para a minha vida! Entre mim e a minha esposa há alegria, amor, paz, compreensão e diálogo. Hoje, temos uma boa casa para viver em todos os sentidos”.

Humberto – Madeira