Judite

test_cdaJudite viu todas as áreas da sua vida serem destruídas sem conseguir compreender o motivo e chegou ao ponto de lhe ser dada a reforma por invalidez, tal era a gravidade do seu estado de saúde.

Antes de chegar ao Centro de Ajuda (CdA), fui submetida a três operações à coluna. Tinha bloqueadas três vértebras na cervical e mais na lombar. Foi-me colocada uma prótese, mas tive de ser novamente operada e colocaram-me uma placa com seis parafusos. Fiquei com uma paralisia na perna esquerda e, durante dois anos, passava oito meses por ano no hospital. Estava apenas quatro meses em casa e tinha três filhos pequenos.
No Luxemburgo deram-me a reforma por invalidez porque os médicos não me davam qualquer previsão de melhoras. Foi-me dito que ficaria numa cadeira de rodas e que não poderia pegar em mais do que um quilo.
Tive uma depressão grave, deixei de saber quem era e perdia-me na rua. Na altura, tomava 23 comprimidos e não cuidava dos meus filhos.
Eu e o meu marido tínhamos uma empresa de táxis e um café. Fazíamos muito dinheiro, mas este desaparecia! Vivíamos numa casa alugada e não conseguíamos perceber como é que dez mil euros podiam desaparecer assim de um momento para o outro.
Para além disso, o meu marido tinha amantes e descobri isso ainda estava no hospital. Vi o meu casamento desmoronar-se e a minha família ser separada. Não tinha nada que estivesse bem na minha vida!”

Restauração completa

“Fui muito bem recebida, acompanhada e orientada quando cheguei ao CdA. Quando compreendi o significado do Sacrifício e da Campanha de Israel, decidi dar um passo em frente. Quando desci do Altar, era uma nova mulher!
O meu casamento foi restaurado e tenho três filhos abençoados. Sou muito feliz e o meu marido já não tem mais amantes. Conquistámos uma vivenda, sem ter sido necessário pedir qualquer tipo de empréstimo, pois foi paga a pronto. O meu marido comprou também a pronto um carro topo de gama. Além disso, fui curada e nunca precisei da cadeira de rodas!
Sacrifiquei ainda pela minha filha e hoje ela está bem casada. Os meus filhos são felizes e basta olhar para eles para se perceber isso!”

Judite, CdA de Viseu

(Rua da Vila Lusitana, nº 15)