Mais de 15 anos de sofrimento

elisabeteDoenças, dívidas e vida sentimental destruída este é o retrato da vida de muitas pessoas atualmente e também era o de Elizabete até que descobriu que, afinal, havia algo que ainda podia ser feito…

“Antes de chegar ao Centro de Ajuda (CdA), a minha vida estava completamente no fundo do poço! Tinha o casamento destruído, sofria de fibromialgia e síndrome de fadiga crónica.

Sofria desmaios constantes, tinha problemas de coração e enxaquecas desde os meus oito anos.

Para além disso, era uma pessoa extremamente nervosa, desde criança, pois não tive uma infância muito feliz e sofri com diversos traumas.

Recordo-me de já não ser feliz desde os meus tempos de namoro, portanto, o meu sofrimento durou desde os meus 17 até por volta dos meus 33 anos”, conta Elizabete.

Passo a passo

“Entretanto, cheguei ao CdA e a minha vida foi sendo transformada aos poucos, com Fé e perseverança. A minha primeira conquista, através da Fé colocada em prática, foi a cura das enxaquecas, que me atormentavam desde criança.

Relativamente à fibromialgia, os médicos diziam-me que eu teria de viver para sempre com aquela doença, pois não existia cura. Mas eu não aceitei semelhante sentença! Participei na Campanha de Israel e fui curada. Quando voltei ao meu médico, ele examinou-me e disse-me que não encontrava nada.

Novamente Sacrifiquei, desta vez pela minha vida sentimental, e o meu casamento foi restaurado!

Agora, tenho lutado pela minha vida financeira e, nesta última Campanha, obtive uma grande resposta. Tinha uma dívida no valor de 68 mil euros no Banco de Portugal, por causa de diversos créditos que tinha contraído, devido a uma loja que tinha tido anteriormente. Hoje, estou livre dessa dívida!”.

Elisabete Gouveia

CdA de Almada
(Av. 23 de julho, nº14/16/18, Cova da Piedade)