“Tínhamos muitas discussões e chegámos a pensar no divórcio”

casamentoMarina assistiu a discussões e agressões verbais entre os pais, o que lhe causou muito sofrimento e traumas, tendo vindo a afetar o seu próprio casamento.

“Quando casei, pensava que ia ter um lar feliz e abençoado, mas, na verdade, sofria com os mesmos problemas que vi na casa dos meus pais. O meu casamento estava a enfrentar muitas dificuldades e sentia que caminhávamos para a destruição. Como tínhamos muitas discussões, isso levou-nos até a pensar no divórcio, o que me acabou por levar a um estado de depressão.

Com um casamento destruído e uma profunda tristeza interior, bati em várias portas em busca de uma solução para os meus problemas, mas não a encontrei.”

A mudança. “Quando cheguei à Igreja Universal, recebi uma palavra de fé e de ânimo, estenderam-me a mão e simplesmente ouviram-me. Então, comecei a aprender como usar a fé sobrenatural.

Após uma semana de estar a participar nas reuniões na Igreja Universal, comecei a ver a minha vida mudar, iniciando a superação da depressão. Mas, só quando coloquei Deus em primeiro lugar na minha vida é que comecei a ver a verdadeira e total transformação!
Hoje, posso dizer que valeu a pena ter entrado na Igreja Universal, pois tenho um casamento transformado e abençoado, com paz e harmonia.”

Marina e Bruno Sousa, CdA Ponta Delgada

Fonte: Folha de Portugal