“Tinha um cancro da mama grave”

Antonino e Paula, quando chegaram ao Centro de Ajuda da Igreja Universal há cinco anos atrás, tinham tanto problemas financeiros, como de saúde.

Antonino estava desempregado há três anos, mas, para além disso, também sofria de problemas, tanto na coluna, como na perna, ambos sem cura, ou seja, embora quisesse trabalhar, via-se impossibilitado de o fazer. Era Paula que trabalhava e sustentava a casa, o que deixava o seu marido frustrado, já que tinha a casa para acabar de construir, pois estava a meio e não o conseguia fazer por causa do problema de saúde e por estar desempregado.

VIDA FINANCEIRA. Foi Paula que conheceu em primeiro lugar o Centro de Ajuda, o qual procurou devido a um problema de saúde que tinha, pois sofria de rosácea.

“Depois de participarmos nas reuniões, numa semana, o meu marido ficou curado das dores na coluna e na perna. Eu também fui curada do meu problema de saúde”, conta.

O primeiro Sacrifício que Antonino fez foi pela vida financeira, pois queria adquirir um prédio, só que não conseguia, mesmo financiado pelo banco. Mas, através do Sacrifício, dois anos depois, adquiriu o prédio a pronto pagamento, sem recorrer a qualquer empréstimo.

DOENÇA GRAVE. Após a última Fogueira Santa em que ambos participaram, Paula foi ao médico, tendo-lhe sido detetado um cancro da mama grave. Após a biópsia realizada ao tumor de 2,5 cm, verificou-se que este era maligno.

Porém, uma semana depois de terem participado na Fogueira Santa, Paula fez um novo exame e o cancro já estava a regredir, apresentando o tamanho de 1,5 cm.

Quando chegou a data da operação, já não existia qualquer vestígio da doença, estava curada, pois o cancro tinha desaparecido completamente. Hoje, estão os dois bem, felizes e têm tudo o que mais desejavam!

Antonino e Paula, CdA Funchal

Fonte: Folha de Portugal