A minha REVOLTA pela minha REALIZAÇÃO!

wallpaper_revolta3Se você nunca a sentiu, primeiro belisque-se, pois, corre sério risco de, quem sabe, já não estar vivo…

“Ele é uma pessoa muito revoltada!”… será que esta expressão lhe parece positiva? Com certeza que não, pois, na maioria dos casos, as pessoas revoltadas são associadas a arruaceiras, descompensadas, violentas ou marginais. É como se a revolta fosse um sintoma de um mau desfecho, pois a pessoa recorre ao sentimento aparentemente descontrolado a que a revolta é frequentemente associada: a raiva!

Todavia, existe um outro tipo de REVOLTA, que é aquela que simboliza e significa a RENOVAÇÃO, a REINVENÇÃO, a REALIZAÇÃO. Está é a REVOLTA que nasce no interior de cada ser humano e que visa apenas a destruição de tudo o que negativo, como os problemas, a frustração, as doenças, a miséria, a angústia, colocando, no seu lugar, a realização em todos os sentidos: sentimental, financeiro, físico, familiar e interior.

Não acredita? Então, é porque você ainda não atingiu o estado de REVOLTA INTELIGENTE. Mas, que estado é este?

– É CORAJOSO
– É RACIONAL
– NUNCA DESISTE!
– PRONTIFICA-SE PARA AS LUTAS
– ACREDITA NA SUPERAÇÃO
– TEM A CERTEZA DA CONQUISTA
– ASSUME A RESPONSABILIDADE

A vida é sua e o aceitar ou não as condições presentes em que a está a viver é também sua opção! Aquele que faz uso da REVOLTA INTELIGENTE rejeita tudo aquilo que considera anormal como parte da sua existência e ele acredita na capacidade de recriação da própria vida, investindo todas as suas capacidades para que isso aconteça.

Gideão foi um exemplo de homem cuja REVOLTA INTELIGENTE transformou a sua realidade de forma radical, pois passou do mais insignificante da família mais pobre da sua terra, a Juiz, primeiro-ministro de Israel. E você? Qual o motivo da sua Revolta e o que fará de si uma pessoa realizada? Revolte-se, pois a 13 de dezembro terá a sua oportunidade!

“Vai nessa tua FORÇA! O SENHOR é contigo!”

(JZ 6.12; 14)

Fogueira Santa

Saiba mais num Centro de Ajuda mais perto de si

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

1 comentário

Marcos Loja Responder 30 Dezembro, 2015 às 3:58

Muito forte