Mensagem

A Universal na posse de ministro do STF

STF_cdaRecentemente, a Igreja Universal do Reino de Deus participou da solenidade de posse do novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luis Edson Fachin.

Indicado pela presidente Dilma Rousseff, o jurista ocupou a cadeira deixada pelo ex-ministro Joaquim Barbosa, aposentado em julho do ano passado. A cerimônia, que aconteceu no plenário da corte, reuniu diversas autoridades e foi conduzida pelo presidente do STF, Ricardo Lewandowski.

A Universal foi representada pelo bispo Domingos Siqueira.

Mas qual o objetivo da Instituição em participar de um evento como este?

A Universal considera de suma importância para o povo brasileiro ser ativo na vida institucional da nação. Nossa presença representa mais de 8 milhões de pessoas diante das instituições públicas e seus representantes. Precisamos fazer valer a convicção de que um Estado laico como o Brasil, que, felizmente, não tem uma religião oficial, não é um Estado que desrespeita ou ignora as religiões e crenças de seu povo.

E como prova de reconhecimento da relevância da Universal, a ela foi destinado assento especial entre parlamentares, governadores, dentre outras personalidades.

O STF é o mais importante tribunal do Brasil. É composto por 11 juízes, chamados de ministros. A ele cabe a última palavra no Poder Judiciário sobre qualquer processo judicial no Brasil, decidir se alguma lei contraria a nossa Constituição Federal, além de processar e julgar criminalmente o presidente da República, deputados federais, senadores e ministros.

“Peço que sejam feitos orações, pedidos, súplicas e ações de graças a Deus em favor de todas as pessoas. Orem pelos reis e por todos os que têm autoridade, para que possamos viver uma vida calma e pacífica, com dedicação a Deus e respeito aos outros.”

1 Timóteo 2.1-2

Bispo Edir Macedo

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *