Mensagem

Experiências no Templo de Salomão

u1zsGcPfN6NupZn5QiYwGYM0nGtXO6vg6l8J8Brw7+9MZDvrAAAAAASUVORK5CYII=Prezado bispo,

Através deste e-mail, gostaria de compartilhar com o senhor algumas experiências aqui do Templo.

Nos últimos meses, pessoas de vários países, culturas e línguas têm se interessado em conhecer o Único Deus, o Deus de Israel.

Recentemente, recebemos um casal de Israel. Antes de entrar na esplanada, percebi que a esposa do senhor que nos aguardava estava fumando, nervosa, com uma aparência angustiada.

Durante o tour ambos questionavam muito sobre nossa fé em Yeshua, um turbilhão de dúvidas!

Quando conduzimos o casal para conhecer o interior do Templo, o Santuário, o silêncio foi absoluto. Era como se o Próprio Deus estivesse falando com ela, com certeza era. Ao ver como ela estava admirada e, ao mesmo tempo tocada por Deus, a convidei para escrever um pedido ao Deus de Israel e fazer uma oração comigo, ela aceitou.

Nos aproximamos do Altar, enquanto o meu esposo conversava com o esposo dela do lado de fora. Ela ficou tão grata que também desejou dar uma oferta para o Templo.

AEn0yFikLisFAAAAAElFTkSuQmCCOrei por ela, e no final da oração disse em nome de Yeshua (Jesus), as lágrimas da mulher foram inevitáveis, o senhor com certeza pode entender o tamanho da minha alegria !

Há poucos dias esta mulher me escreveu dizendo que está desejando muito conhecer nossa comunidade Universal em Tel Aviv, sei que Deus começou uma obra na vida dela.

Outra ocasião semelhante foi a de uma mãe e filha, também de Israel, que vieram a São Paulo unicamente para ver o Templo, um dos pastores sacerdotes as conduziu até a reunião que acabava de começar no Templo, uma terça-feira, elas se sentaram na última fileira.

Como não tínhamos nada preparado para a tradução, pude traduzir a primeira oração do bispo aos ouvidos delas, que era de cura física e interior, o bispo dizia: “Deus de Abraão, Isaque e Jacó”, quando percebi, elas estavam com os olhos fechados e erguendo as mãos juntamente com todo o povo para a oração. Essa moça nos comentou que tem o Novo Testamento em casa, mas nunca leu por dizerem que é proibido na religião dela.

Muitas das pessoas que nos visitam de outros países e de outras religiões nos dizem a mesma coisa: “Eu não esperava ver o que estou vendo! Esse lugar traz paz”.

Az6x1XPECCJLAAAAAElFTkSuQmCCOutras tantas já ficaram para assistir às reuniões de terça, quinta e sexta-feira, isso significa que existem muitas pessoas que têm fome e sede de justiça e buscam resposta no Deus Vivo.

Lembro-me de três pessoas de Israel que aceitaram a oração por seus familiares junto ao Altar do Templo com o bispo Miguel, meu esposo e outro pastor, todos demos as mãos e, em nome de Yeshua, eles receberam a oração e disseram que estavam sentindo muita paz.

É um trabalho de formiguinha para ajudar as pessoas necessitadas, mas são pessoas como estas que mencionei que nos trazem satisfação, muita satisfação! Meu espírito se enche de alegria quando alguém que nos visita de outro país e até mesmo de outra religião, entre muitos que visitam o Templo, aceita orar conosco ou participar de uma das reuniões.

3cEF5Hu92IgAAAABJRU5ErkJggg==E por último, há 2 dias, três monges budistas de um país chamado Tibete, ao sul da China, vieram visitar o Templo.

Me impressionou muito, pois nunca havia falado com um monge, nas fotos abaixo o senhor poderá ver um rapaz mais alto, ele é um suíço convertido ao budismo. Através dele que, juntamente com um pastor que nos acompanhava, fazíamos o tour em inglês e ele traduzia para o idioma dos outros dois monges. No final do tour, ele afirmou que voltaria com outros monges que estão aqui no Brasil por pouco tempo e que logo voltarão para o Tibete.

Bispo, são muitas as experiências pelo pouco tempo aqui no Templo, gostaria de contar cada uma delas, com argentinos, espanhóis, americanos e até sírios que vieram nesta última sexta-feira. Pessoas que são livres de problemas espirituais entre outras que recebem o Espírito Santo lá dentro.

Realmente é um lugar de Salvação e Casa de Oração para todos os povos, independentemente do país ou religião.
E o mais maravilhoso é que Deus não precisa de nós para salvar ninguém, mas Ele conta conosco pela Sua infinita misericórdia e graça.

Sara Maia

Bispo Edir Macedo
bispomacedo.pt

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *