Mensagem

Nada a Perder 3

6

Ao todo, foram 308.579 livros vendidos em poucas horas em sete eventos simultâneos.

Esse número é o resultado das mais de 120 mil pessoas que buscaram na manhã deste sábado (17) conseguir um exemplar assinado da autobiografia do bispo Edir Macedo, fundador e líder da Igreja Universal do Reino de Deus. Já são mais de 1 milhão de exemplares deste terceiro volume vendidos após os eventos de hoje. Ao todo, os três volumes da obra já venderam mais de 7 milhões de exemplares em todo o mundo, e foram traduzidas para ao menos seis idiomas.

Neste sábado, cinco cidades no Estado de São Paulo contaram com o lançamento de Nada a Perder 3 — Do Coreto ao Templo de Salomão: a Fé que Transforma. Campinas, Ribeirão Preto, Santos, São Bernardo do Campo e São Paulo encerraram o ciclo de lançamentos. É uma das maiores vendas de um livro em um único dia, reforçando o sucesso editorial que a história de vida do bispo Macedo se tornou.

O lançamento em São Paulo da autobiografia do bispo Edir Macedo, escrita em coautoria com Douglas Tavolaro, vice-presidente de Jornalismo da Rede Record, já contava com milhares de pessoas nas filas horas antes do horário de início das sessões de autógrafos. Nem o sol forte impediu que se formassem as já tradicionais aglomerações.

Neste terceiro volume, são trazidas histórias inéditas e lições de vida construídas pelo bispo como pai e como marido. Em depoimentos emocionantes, o bispo Edir Macedo fala sobre seu casamento com dona Ester Bezerra, uma união que já dura mais de 40 anos.

Na capital paulista, a obra foi lançada na livraria Cultura do Conjunto Nacional, uma das principais referências em plena avenida Paulista. O evento contou com a presença de diversas autoridades e celebridades, como apresentadores, atores e jornalistas.

Autografaram o livro o bispo e apresentador Renato Cardoso, que representou o bispo Edir Macedo, e o bispo Domingo Siqueira. Ambos atenderam a todos que esperaram na fila para garantir um exemplar autografado.

Entre as autoridades presentes, o prefeito de Itaquaquecetuba, Mamoru Nakashima (PTN), disse estar feliz com o sucesso de mais este lançamento e reforçou o papel de destaque do bispo Macedo.

— Ele é uma pessoa de grande proeminência na sociedade, principalmente em Itaquaquecetuba, onde ele tem uma grande representatividade.

Luiz Claudio Costa, presidente do grupo Record, lembrou que os brasileiros têm se inspirado na história do bispo.

— O Brasil está carente de bons exemplos. O Brasil está carente de pessoas em quem a população pode se mirar. E o sucesso de vendas deste livro mostra que o bom exemplo do bispo Edir Macedo tem sido seguido por muitas pessoas.

O apresentador Gugu Liberato também elogiou a obra e disse que ainda mais livros deveriam vir pela frente.

— A história dele é tão complexa, e, em tão pouco tempo de Universal, que cresceu tanto em 38 anos, ele deve ter muito ainda para contar. Devia ter mais outros livros, pois é muito rica a história de vida dele.

Os lançamentos sempre lotados também são uma prova de que as pessoas têm buscadi conhecer a biografia do bispo Macedo, destacou o bispo Renato Cardoso, casado com Cristiane Cardoso, filha de Edir.

— Isso mostra que as pessoas estão interessadas em saber quem é essa pessoa que, de certa forma, mudou o curso do Brasil em vários pontos. Ele mudou o curso do País na parte religiosa, ele mudou o curso do Brasil na parte da mídia e da comunicação. Eu acho que ele é muito subestimado ou pouco reconhecido neste ponto.

Sobre as mudanças que o bispo Macedo ocasionou em todo o Brasil e no mundo, o bispo Cardoso destacou a humildade na intenção do bispo Edir Macedo.

— Ele teve a ousadia e, o mais importante, sem pretensão. Ele não começou lá atrás dizendo “eu vou mudar o Brasil”. Sua única pretensão era ajudar as pessoas. E, por causa disso, ele mudou muitas coisas, muito mais do que ele pensou que iria mudar.

Bispo Edir Macedo
bispomacedo.pt

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *