Mensagem

Nosso fardo de cada dia…

Por mais pesado que seja o nosso fardo de cada dia, ainda assim é infinitamente inferior quando assumimos o jugo do Senhor Jesus. cross2

Se alguém lamenta o peso da cruz, do fardo pela causa cristã ou o seu jugo, pode ter a mais absoluta certeza de que isso não tem nada a ver com o jugo do Senhor. Até porque, está escrito, determinado e prometido que, dia após dia, o Senhor Deus Altíssimo carrega o nosso fardo.

Salmo 68.19

O grande problema é que por conta das nossas más escolhas, colhemos os maus frutos. E quando os colhemos, não podemos debitar na conta de nosso Senhor.

Desprezamos, ignoramos e até rejeitamos fazer a Sua vontade. E na colheita amarga da carne, reclamamos com Ele? É justo?

Tenho aprendido que, por maior que seja a minha fé, jamais posso usá-la para fazer prevalecer a minha vontade.

Nesse caso, vale o ditado: “Errar é humano, mas insistir no erro é burrice”.

Quem quiser evitar o mal, que fuja dele. Ou seja, quem não quiser ser vítima da violência e males deste mundo, fique longe de suas ofertas diabólicas. Fuja das más companhias, fuja das festas regadas a drogas e álcool; fuja de vídeos, filmes, músicas, danças ou qualquer festa, reunião pública ou privada que estimule o sexo ou desejos da carne.

Se isso for observado, certamente o cristão saberá que o jugo do Senhor Jesus realmente é suave e o Seu fardo é leve.

Tomai sobre vós o Meu jugo e aprendei de Mim, porque Sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma. Porque o Meu jugo é suave, e o Meu fardo é leve.

Mateus 11.29.30

Bispo Edir Macedo
bispomacedo.pt

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *