Mensagem

Nunca mais vou ser a mesma depois da visita no Templo de Salomão

Bom dia, bispo!_MG_2399 copy

Eu gostaria de compartilhar a minha experiência pessoal sobre a minha visita ao Templo de Salomão, em 31 de julho de 2014.

Eu fazia parte de uma delegação da República de Botswana. Antes de sairmos, eu estava sempre orando para que o Senhor falasse especificamente comigo e me desse 100% de garantia de que eu não deveria me preocupar, nem desistir. A minha principal preocupação foi o meu marido, que é viciado em drogas. Ele é viciado em álcool e maconha, e viver com um viciado é um desafio, já que as responsabilidades familiares são ignoradas e o dinheiro é gasto em cumprir a fissura pela droga.

Enquanto esperávamos as portas do Templo serem abertas, eu ainda estava lembrando a Deus que tivesse misericórdia de mim. Como eu estava cansada dos efeitos das drogas sobre a família, precisava de uma orientação sobre o que fazer para mim e para as crianças e como lidaria com a situação toda, e, acima de tudo, como ajudaria o meu marido. Eu estava mesmo dizendo a Deus que Ele fizesse com que todas as orações feitas em Seu Templo fossem respondidas.

As portas se abriram e os levitas nos aconselharam a sentar onde havia fones de ouvido para que pudéssemos conseguir acessar a tradução em inglês. Bispo, Deus falou comigo especificamente como eu tinha pedido a Ele.

O primeiro bispo falou sobre “o espírito de vício” que não tem cura, apesar de tratamentos em termos de ciência e medicina, mas só Deus pode curar a dependência. Ele passou a compartilhar que já foi um viciado em drogas, não apenas em medicamento, mas muitas drogas. Eu imediatamente percebi que estava preocupada com alguma coisa que a ciência, a medicina e os pesquisadores não conseguiam encontrar uma solução, e que o Único que podia me ajudar era JESUS CRISTO!!!

Fiz uma oração arrependida de perdão, para parar de me preocupar com algo além de mim, e completamente render-me ao Senhor. Eu também percebi a razão por que eu estou preocupada: é que eu dei o problema ao Senhor e peguei de volta novamente.

Por que não posso apenas entregar a Deus e deixar o problema totalmente com Ele e continuar com a minha fé? Eu também disse a Deus: ao mesmo Espírito a quem este bispo que está falando agora se entregou, eu também vou entregar o meu marido e nunca vou voltar a visitar este problema novamente, uma vez que não é meu.

Bispo, como se isso não fosse suficiente, quando o senhor veio para o Altar e pediu a todos os pastores que antes eram viciados se levantarem, eu olhei e disse: Meu Deus, meu Senhor, muito obrigada! O meu marido é todo seu, e minha esperança perdida foi imediatamente renovada, pois, na verdade, como Jesus é o mesmo ontem, hoje e amanhã, o meu marido também dará, na Universal, o seu testemunho de vida dos dias em que usou drogas e depois de parar de usá-las, e estou convencida de que será neste ano de 2014.

Muito obrigada, bispo, pela Universal em todo o mundo, e quando a sua hora de dormir chegar, acredite em mim, eu não vou chorar nem ficar triste, mas vou celebrar uma vida bem vivida como escolhido por Deus para reavivar a fé das pessoas através do sacrifício, no século 21. A fé em ação vai continuar para sempre e eu estou muito feliz por fazer parte dessa fé e de ter sido escolhida por Deus para parar de sofrer e compartilhar a mensagem com outras pessoas que estão sofrendo.

Voltei cheia de alegria, energia e um forte desejo de servir mais do que eu já citei antes, para compartilhar, falar sobre o Senhor, sempre que tenho a oportunidade …. Eu já não estou preocupada. Eu tenho 100% de certeza do que eu pedi.

Deus o abençoe, bispo!

Daisy Peloewetse – Botswana

Bispo Edir Macedo
bispomacedo.pt

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *