Mensagem

O Colo de Deus

Não há outra palavra mais apropriada para exprimir a grandeza do Local de Encontro com o Todo-Poderoso Deus de Abraão quanto a palavra ALTAR. bebe

Deus não criou o Altar para servir de palco de shows de música gospel ou coral;

Não criou o Altar para servir de palanque político;

Não criou o Altar para que o povo exaltasse os homens que fazem uso dele na pregação;

Também não criou o Altar para transmitir sentimentos ou fé emotiva;

Não, mil vezes, não!

O Altar foi criado para o sacrifício.

Sim, foi criado exclusivamente para que o ofertante viesse resolver seu maior problema com Deus: retornar para Ele.

Sempre que o Altíssimo Se revelava aos patriarcas, profetas e servos, imediatamente eles eram impelidos a erguer um Altar e sacrificavam.

Após o sonho maravilhoso, Jacó tomou a pedra que servira como travesseiro, erigiu um Altar e sobre ele sacrificou o azeite que lhe restava no deserto. Em seguida, fez o seu voto de fé. Gênesis 28

Portanto, o Altar é o Lugar de Encontro com Deus, de entrega incondicional, de sacrifício…

Ele foi criado para receber ofertas representativas dos que estão dispostos a obedecer.

Santas e puras ofertas, símbolos do Primogênito de Deus, Jesus.

O Altar é a habitação de Deus na Terra.

A pessoa rendida em sacrifício no Altar torna-se o Altar móvel do Espírito Santo.

Como o Altar representa Deus na Terra, a oferta representa a vida do ofertante no Altar.

Assim sendo, o Altar torna-se o Colo de Deus para o ofertante fiel;

Só o Altar tem autoridade para santificar a oferta e validar a presença do ofertante diante do Altíssimo.

Por outro lado, se a oferta é imunda, o ofertante não é aceito diante de Deus.

O Senhor Jesus considera cegos os que têm valorizado mais a oferta do que o Altar, mais o ouro do que o Altar que santifica o ouro.

Por que eles são assim? Porque são carnais. Seus olhos são maliciosos e só conseguem ver a oferta como valores econômicos. Não conseguem discernir os valores espirituais porque o deus deste mundo os têm mantido cegos.

E se não conseguem ver as ofertas como símbolos da própria vida no Altar, como verão o Altar como símbolo de Deus?

Por isso o Senhor Jesus os chama de hipócritas e cegos.

Cegos! Pois qual é maior: a oferta ou o Altar que santifica a oferta? Mateus 23.19

Bispo Edir Macedo

bispomacedo.pt

Tags:

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

1 comentário

marluce de oliveira lima Responder 24 Novembro, 2014 às 2:18

MUITO FORTE BISPO