Mensagem

O Reino de Deus

Após a criação, Deus fez Adão e Eva para desenvolverem, na Terra, o Seu Reino. Eles falharam, e o Reino de Deus na Terra teve de esperar.

Por conta da corrupção espiritual e moral, o Senhor teve de destruir a humanidade e começar tudo de novo com Noé e sua família.

Porém, eles também falharam, e a corrupção humana prevaleceu. Mais uma vez, o Reino de Deus na Terra não pôde ser inaugurado.

Diante disso, o Senhor chamou Abraão para estabelecer uma nação diferenciada das demais. Um reino onde a Justiça prevaleceria e Seu povo servisse como referencial de Deus na Terra. Mas, os descendentes de Abraão também falharam, e o Reino de Deus na Terra teve de esperar.

Finalmente, não podendo estabelecer Seu Reino a partir do gênero humano, Deus enviou Seu Filho Jesus para estabelecê-lO nos corações daqueles que quisessem.

O Senhor Jesus iniciou Seu Reino na Terra a partir dos doze apóstolos. Também chamada de Igreja, os cidadãos do Reino de Deus na Terra seriam dirigidos pelo Espírito de Deus. Razão pela qual, dirigido pelo Espírito Santo, Pedro endereça sua carta aos verdadeiros discípulos de Jesus, dizendo:

“Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes dAquele que vos chamou das trevas para a Sua maravilhosa luz.”

I Pedro 2.9

Portanto, os membros que compõem a verdadeira Igreja do Senhor Jesus Cristo não defendem qualquer bandeira denominacional.

Antes, defendem sua comunhão com o Deus Pai, através do Deus Filho, sob a direção do Deus Espírito Santo;
Defendem sua Salvação;
Defendem sua filiação de Deus;
Defendem seu caráter de sacerdote (servo) do Altíssimo;
Defendem a justiça do Reino de Deus;
Defendem o fato de serem propriedade exclusiva de Deus;
Enfim, defendem a sua fé sobrenatural.
Chama-se isso de vida, e vida em abundância.

Bispo Edir Macedo

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *