Mensagem

O segredo da vida em abundância

vida_ab_cdaFalar da vida em abundância e aceitar uma vida de miséria tem sido um dos maiores sinais da falta de conhecimento da Verdade!

Meditemos: Será que o Deus do Antigo Testamento é diferente do Deus do Novo Testamento?

A promessa de Deus a Abraão foi de uma descendência abençoada e próspera. Por causa dessa promessa, nós vemos os descendentes biológicos de Abraão, os judeus, serem detentores das maiores riquezas deste mundo, mesmo sendo perseguidos e odiados por causa disso. É muito difícil ver um deles pobre, pois Deus é Fiel e a Promessa se cumpre. No entanto, para eles uma coisa está faltando: a paz. Isso se dá pela falta da certeza da Salvação. Como aquele jovem rico que foi falar com o Senhor Jesus, ele tinha tudo menos a Salvação.

Por outro lado, o Senhor Jesus veio anunciar e trazer a Salvação para os que O aceitarem dizendo: Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância. João 10.10

Ora, todo aquele que usa um pouquinho da inteligência entende que vida em abundância é ter tudo o que é necessário, incluindo a Salvação!

Só que não é isso que tem acontecido com a maioria dos cristãos, evangélicos, protestantes etc. Por quê?

Porque se deixaram enganar por essa frase babilônica e destruidora que diz que “Jesus ama os pobrezinhos”. Claro que Ele ama tanto os pobrezinhos como os ricos. Mas de uma coisa eu tenho certeza: Deus não ama ver um filho Seu passar fome, endividado e envergonhado. Eu até diria que isso é blasfêmia, pois como nós chamamos a Deus de Pai e aceitamos uma doutrina dessa? Será essa a vida em abundância prometida? Parece até que Deus é pior que os seres humanos, que querem o melhor para os seus filhos.

Infelizmente, tudo isso acontece porque as religiões têm usado o Antigo e o Novo Testamento como se fossem duas Bíblias, duas promessas ou dois Deuses com caracteres diferentes! E quem está ganhando com isso é o diabo, porque ele é quem gosta de divisão.

No dia em que os cristãos abrirem os olhos e começarem a praticar as mesmas obras de Abraão e viverem a fé sacrificial, tendo Jesus como Senhor e Salvador, aí sim se cumprirá a promessa da vida em abundância.

Agora nós podemos entender por que a Igreja Universal tem sido caluniada, perseguida e injustiçada na pessoa do seu líder. Pois ela, edificada e conduzida pelo Espírito Santo, não se deixou enganar por essas falsas doutrinas.

Além disso, a Universal tem mostrado que o Deus do Antigo e do Novo Testamento é Um Só e Único Deus, e os resultados estão à vista. O atual Templo de Salomão exemplifica isso.

Entretanto, a base de tudo isso é o sacrifício.
Pense comigo: Abraão e a sua descendência sacrificaram.
Deus sacrificou na Pessoa do Senhor Jesus.
E nós cristãos vamos ficar de fora?

Não se deixe enganar!
No dia em que isso mudar, aí você vai ver a Grandeza de Deus!

Bispo Vitor Silva

bispomacedo.pt

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *