Mensagem

Parecia impossível mudar…

Bertony-706x432Desde a infância, Bertony gostava de se vestir, brincar e ter amizades com meninas, ele cresceu achando que isso era algo normal.

O local onde morava era um ex-terreiro de umbanda, no qual ouvia vozes e via vultos. Aos cinco anos de idade, ele foi violentado sexualmente por um vizinho, e os abusos se tornaram frequentes.

A partir dos doze anos de idade, passou a tomar hormônios femininos, e assim ocorreram algumas mudanças no seu corpo. Começou a sair, frequentar festas e beber.

Após uma decepção amorosa, conheceu a Universal por meio da rádio, no programa Palavra Amiga do Bispo Macedo. Passou a frequentar a Igreja, até que se tornou candidato a obreiro. Mas após algum tempo, se esfriou na fé, deixando de ler a Bíblia, jejuar, cumprir seus propósitos, ser fiel e acabou perdendo o temor a Deus.

No dia em que foi marcada a entrevista para ser obreiro, ele não compareceu. Se afastou, não conseguia mais ir à Igreja e voltou às práticas antigas. A convite de uma amiga que era travesti, ele deixou sua cidade natal, Belém do Pará, para ir a São Paulo.

Foi aí que começaram as transformações no corpo. Com aplicação de silicone, passou a tomar hormônios, entrou para a prostituição e ficou nessa vida por sete anos. Durante esse período viveu com uma pessoa violenta que o agredia. Sofreu com depressão, insônia, opressão, angústia e drogas.

Bertony estava se sentindo muito oprimido, mas havia uma vontade, algo muito forte o chamava para voltar à Igreja. Decidiu ir ao Templo, em uma reunião na sexta-feira com o bispo Clodomir. E foi como estava: vestido de mulher.

Após ver um testemunho na internet de um ex-travesti, que mudou após ser batizado nas águas, ele decidiu se batizar. Percebeu as primeiras mudanças no seu corpo e também começou a frequentar a Corrente do Resgate, a qual frequenta até os dias de hoje.

Hoje, aos 33 anos, Bertony está transformado, liberto e é um novo homem.

Colaborou: Bispo Antonio Melo

Bispo Edir Macedo

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *