Mensagem

Segredos e Mistérios da Fé

religiao

Quando falamos de fé não estamos pensando em remover as pessoas de suas respectivas religiões. Até porque, religião por religião, qual a diferença? Jesus nunca pregou religião. Ele anunciava o Reino de Deus, onde as pessoas têm o direito de viver uma vida digna; onde a Justiça, a Misericórdia e a Fé são abundantes.

A fé trata da certeza de que Deus cumprirá tudo o que prometeu.
Procuramos repassar essa fé alcançada para conduzir as pessoas ao Seu Reino. A Fé trata de Vida de qualidade, gerada e transmitida do Trono do Altíssimo.

Primeiro, Jesus disse ser a Vida, em seguida disse que a Vida vem pela fé.
Mas, que tipo de fé?
Todo o mundo tem fé, e nem por isso tem vida… Por quê?

A qualidade de fé que se tem reflete a mesma qualidade de vida que se possui. Se o tipo de fé de uma pessoa está sujeito às obrigações de sua religião, então ela não tem o direito de exigir vida de qualidade.

Porque religião alguma é capaz de atender às necessidades da vida de qualidade. Esta só é possível por meio da fé exercida na Palavra do Autor e Criador da Vida: Jesus Cristo.
Combinar essa regra com as obrigações religiosas é pura perda de tempo.

Uma coisa ou outra.
Ou você pratica a Palavra de Deus e deixa de vez os costumes religiosos para viver na fé e pela fé ou esqueça da nova vida proposta pelo Senhor Jesus.

A vida religiosa não tem nada a ver com a vida pela fé. Na vida religiosa o fiel obedece o que dita sua religião. Na vida pela fé, o fiel obedece o que dita a Palavra de Deus.

De fato, é muito mais fácil obedecer à religião do que a Deus. Os sacrifícios da religião não envolvem tanto sacrifício quanto a Palavra de Deus. Em compensação, nenhuma religião responde aos anseios humanos. Mas a fé, sim! A fé dá acesso ao impossível. Marcos 9.23

Por que tudo é possível ao que crê?
Primeiro, porque o Senhor Jesus prometeu;
Segundo, porque a fé é o fôlego do Espírito de Deus nos Seus fiéis.

A fé trata da obediência à Palavra do Deus Altíssimo. Só assim se compreende os Seus segredos e mistérios.

Quem tem fé projeta, determina e realiza os seus sonhos. Chega aonde quer.
Não depende da sorte, não está sujeito às maldições nem às pragas inimigas…
Não anda de acordo com os conselhos dos ímpios nem se assenta na roda dos escarnecedores.

Antes, crê que a praga de urubu magro não mata cavalo gordo.

O fôlego da Vida de Deus é a fé.
O Espírito de Deus é Vida e sem Ele não há fé, não há fôlego, não há vida.
Jesus é o Autor e Consumador da fé. Ou seja, Ele é o Autor da Vida.

Logo após Sua ressurreição, Jesus apareceu para os discípulos e soprou neles o fôlego do Seu Espírito. Imediatamente, eles abandonaram dúvidas, medos, preocupações e o esconderijo para saírem às ruas e anunciar a Ressurreição de Jesus.

Por conta disso, se expuseram às perseguições movida pelos líderes religiosos. Hoje em dia temos visto o oposto entre muitos crentes, supostamente selados com o Espírito Santo. Eles têm fugido do confronto com o inferno. Fogem porque não creem em Quem dizem crer.

Como o oxigênio é o fôlego da vida terrena, assim é a fé de Deus: é o fôlego Divino para a vida terrena e eterna.

A Palavra de Deus revela o caráter de Deus, Sua honra, Sua dignidade, Sua Grandeza, Sua Justiça, Sua misericórdia e Sua fé.

O mesmo se dá em relação ao caráter de uma pessoa; envolve sua palavra, honra, dignidade.
Os valores morais humanos retratam seus valores espirituais.

bispomacedo.pt

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

1 comentário

Carla Araújo Responder 30 Abril, 2015 às 11:29

A religião aprisiona a pessoa. Já a fé é libertadora. Quando usamos a fé sobrenatural e a fé em nós mesmos, nada e nem ninguém pode nos parar.