Mensagem

Surpresas após a morte

almas-706x432

“E aconteceu que o mendigo morreu, e foi levado pelos anjos para o seio de Abraão; e morreu também o rico, e foi sepultado. E no inferno, ergueu os olhos, estando em tormentos, e viu ao longe Abraão, e Lázaro no seu seio.”

Lucas 16.22-23

Bispo Edir Macedo

Meditando nesta passagem tão conhecida pelos cristãos, fico pensando em quantas surpresas desagradáveis teríamos se pudéssemos ver, do céu, quem se encontra no inferno, assim como Lázaro pôde naquela ocasião. Quantos obreiros, obreiras, pastores, esposas e membros que tínhamos total convicção de que estavam bem espiritualmente, devido ao seu trabalho braçal na Obra, preparando a santa ceia, trabalhando incansavelmente no dia a dia nas reuniões, mostrando “santidade”; pessoas que conquistaram a credibilidade de seus líderes espirituais, de seus companheiros de fé, mas na verdade não passavam de joio no meio do trigo.

Por trás, estavam vivendo deliberadamente no pecado, eram os atores e atrizes da fé, que sabiam interpretar sem que ninguém percebesse, e morreram assim, exercendo cargos de soldados e comandantes nesse exército. Porém, como Naamã, carregavam uma doença espiritual por baixo de seus respectivos uniformes sagrados de obreiros.

Espero, em nome do Senhor Jesus, que, como Naamã, os que vivem assim reconheçam suas mazelas espirituais, seus pecados camuflados e, antes de partirem deste mundo, se arrependam e se consertem, para que não digam um dia:

“…Senhor, Senhor, não profetizamos nós em Teu Nome? E em Teu Nome não expulsamos demônios? E em Teu Nome não fizemos muitas maravilhas?”

Mateus 7.22

E não recebam a cruel e aterrorizante resposta:

“… Nunca vos conheci; apartai-vos de Mim, vós que praticais a iniquidade.”

Mateus 7.23

Que o Deus Altíssimo tenha misericórdia de cada um de nós.

Se você se encontra assim, ainda há chance de se arrepender e, aí mesmo onde está lendo esta mensagem, dobrar seus joelhos e se humilhar diante de Deus, suplicando Seu perdão e Sua misericórdia, para que sua alma seja salva. Ainda que você tenha que pagar o preço que for, inclusive o de perder o cargo espiritual que exerce — lhe afirmo que é melhor perdê-lo do que perder a sua Salvação. Veja como nosso Senhor a tem como importante, a ponto de dizer que:

“E, se o teu pé te escandalizar, corta-o; melhor é para ti entrares coxo na Vida do que, tendo dois pés, seres lançado no inferno, no fogo que nunca se apaga, onde o seu bicho não morre, e o fogo nunca se apaga. E, se o teu olho te escandalizar, lança-o fora; melhor é para ti entrares no Reino de Deus com um só olho do que, tendo dois olhos, seres lançado no fogo do inferno, onde o seu bicho não morre, e o fogo nunca se apaga.”

Mateus 9.45

Sendo assim, analiso que a coisa mais difícil que existe neste mundo é a nossa Salvação. O que me causa temor e tremor é saber que, dos três milhões de hebreus que saíram do Egito, apenas dois entraram na terra prometida; dos 100% que ouviram a Palavra, apenas 25% tiveram o coração como uma terra boa. Isso já seria um prenúncio dessas surpresas desagradáveis que existirão no inferno?

Que o Espírito Santo conserve o temor dentro de cada um de nós.

Deus os abençoe!

Colaborou: Bispo Sergio Corrêa

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.


O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *