Mensagem

Uma professora blindada

Professora BlindadaPela manhã ela se põe a orar. Falar com Aquele que é a Fonte e o Refrigério. Aprendeu no deserto que o silêncio se faz audível; que o choro se torna em sorriso; que a fé sacrificial é o caminho. Ela sabe o que é perdoar e renunciar.

Sabe o que é relevar. O que é não julgar. Aprendeu, em meio às lutas, que ir contra o próprio “eu” a tornaria mais próxima de Deus. A tornaria muito mais forte, uma mulher muito mais atraente. Aprendeu a dar atenção a si mesma, a amar suas curvas, a investir em seus talentos. Mesmo líder, não se cansa em servir. Em dar-se. Em doar-se.

Ela ama as suas amigas, e as têm como irmãs. Ela é doce. Sabe a hora de falar. Ela é mansa, sábia, virtuosa. Ela entende, compreende. Ela é a flor do deserto. Se deixou ser cuidada e moldada. Ela ama o seu lar, e todos os que moram nele a têm como referencial. Ela é cuidadosa e carinhosa com os seus. Ela ama os que estão por perto, e os que hoje longe estão têm as suas orações. Ela de fato crê no Deus que um dia optou seguir e servir. Ela é grata. Ela O ama.

Todas as vezes que pensamos nela, nos lembramos da sua determinação e fé. Pois, muitas vezes, somos levadas a agir pelos nossos sentimentos, nossas vontades e emoções. Somos levadas a pensar com o nosso coração, a sermos iguais a todas desse mundo. Somos levadas a nos compararmos e a nos diminuirmos. Somos levadas a sermos tudo, menos nós mesmas. Mas todas as vezes que nos lembramos dela, sua vida nos reflete a verdadeira fé e nos faz repensar sobre todas as nossas decisões mal pensadas, todos os nossos sentimentos imaturos, todos os nossos traumas, nossas fraquezas, nossas culpas e tristezas. Porque, quando olhamos para ela, Deus nos mostra claramente que podemos ser diferentes, melhores, nos superar!

Seu jeito doce e, ao mesmo tempo tão forte, implanta naturalmente a fé sobrenatural dentro de cada uma de nós. A sua capacidade de sorrir e nos fazer rir em meio a tantos problemas e a tantas preocupações também nos faz sair do nosso próprio mundinho e buscar uma mudança e renovação. Ela sabe ser conselheira, mãe de oração, amiga. Ela sabe ser esposa e filha. Ela sabe O caminho. Ela é uma mulher de Deus.

Muitos falam bem, outros mal, mas para nós é como se não falassem nada sobre ela. Nem precisa. Seus frutos mostram o que ela é e tudo o que tem lutado em se tornar ao longo desses anos. Ela não é perfeita, e nunca será! Ela erra e algumas vezes se põe a chorar. Mas uma coisa que ela sempre nos ensina é sermos, não como ela, mas como Aquele no qual ela se espelha. Aprendemos com ela a sermos mulheres de oração e aprendemos que o perdão é a melhor decisão. Aprendemos a olhar lá na frente e acreditarmos que não somos melhores ou piores que ninguém, apenas diferentes. Aprendemos que podemos ser felizes sós. Que podemos nos amar, nos apaixonar por nós mesmas. Aprendemos a dar um valor especial ao nosso lar, as nossas coisinhas, ao nosso cantinho.

Aprendemos que quem faz a nossa moda somos nós, aprendemos a ter personalidade. Aprendemos que o verdadeiro Amor vem do Alto e que amar alguém significa amar a si mesmo em primeiro lugar. Aprendemos que para vencer nessa vida é necessário ter comunhão com Deus, amá-lO acima de todas as coisas. Aprendemos tanto. E, como agradecer?

Uma professora que tem suas lutas, seus dilemas e suas tarefas dentro do seu lar, da sua vida. Uma professora que nos adotou como filhas, como amigas. Uma professora que aprendeu O caminho, e seu objetivo é nos ensinar. Uma professora que completa mais uma primavera, que nos ensina a nos amar. Queremos lhe dar um abraço bem forte e dizer que aprendemos tudo isso!

Uma professora que tem a nossa admiração, uma Professora Blindada.

Feliz Aniversário, Cris linda!

Amamos você!!

Com amor,

Suas Alunas Blindadas.

Colaborou: Raquel Delatorre
Bispo Edir Macedo

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *