Mensagem

10 sinais que o FOGO vai descer (Parte 2)

06-Fire-from-HeavenO fumo, o calor, as faúlhas… existem sinais que o fogo está a começar a pegar, a alastrar e a formar uma fogueira forte e incandescente… no que respeita ao Fogo-Fé, os sinais são 10 e são identificáveis pelo servo mais atento

2º Quando, aos Olhos de Deus, NOS LEVANTAMOS PELO QUE É CERTO!

Independentemente do que esta atitude nos custará, se a vida ou a morte. Este era o caso de Elias, que, na altura, estava a ser procurado como um criminoso em todo o país e, inclusivamente, já estava sentenciado à morte! Porém, ele levantou-se para fazer o que era certo diante dos Olhos de Deus, independentemente do que viesse a acontecer: “Partiu, pois, Elias a apresentar-se a Acabe; e a fome era extrema em Samaria.” (1Rs 18.2). Elias não contestou a Ordem de Deus, pelo contrário, ELE AGIU!

Depois disto, eis que entra em cena Obadias, igualmente temente a Deus, porém, em muitos aspetos, o oposto de Elias. Mas, quem era Obadias?

Obadias era um homem temente a Deus, que escondeu os profetas na cova e os alimentou com pão e água;

Ele fez o que era bom, mas não o que era certo, pois não se levantou, como Elias, para mudar a situação. Infelizmente, muitas pessoas não sabem discernir o que é Certo do que é Bom.

Diante dos Olhos de Deus, nós que estamos no Altar, o bom não é suficiente (abrir a Igreja, orar, jejuar, fazer programa de rádio, tv…), temos que fazer o que é certo, que é a Fé desafiadora, que liberta, que faz a vida do povo ser transformada. Nós temos que fazer o que é Bom e o que é Certo!

“E disse Acabe a Obadias: Vai pela terra a todas as fontes de água, e a todos os rios; pode ser que achemos erva, para que em vida conservemos os cavalos e mulas, e não percamos todos os animais.”

1 Reis 18.5-6

Acabe estava mais interessado em salvar os seus animais que o povo e o Homem de Deus tem que se opor ao principado do lugar onde está, tal como Elias se opôs a Acabe. Os demónios alimentam-se da destruição, da morte, de tudo o que provoca dor, angústia e tristeza no ser humano, que era o que estava a acontecer naquela altura, assim como hoje em dia, um pouco por todo o mundo.

Obadias deveria ter-se negado a ir buscar alimento para os animais, em vez de para o povo, mas ele tinha medo da morte, por isso não se opôs ao rei.

“E repartiram entre si a terra, para a percorrerem: Acabe foi à parte por um caminho, e Obadias também foi sozinho por outro caminho.
Estando, pois, Obadias já em caminho, eis que Elias o encontrou; e Obadias, reconhecendo-o, prostrou-se sobre o seu rosto, e disse: És tu o meu senhor Elias?
E disse-lhe ele: Eu sou; vai, e dize a teu senhor: Eis que Elias está aqui.
Porém ele disse: Em que pequei, para que entregues a teu servo na mão de Acabe, para que me mate?
Vive o SENHOR teu Deus, que não houve nação nem reino aonde o meu senhor não mandasse em busca de ti; e dizendo eles: Aqui não está, então fazia jurar os reinos e nações, que não te haviam achado.
E agora dizes tu: Vai, dize a teu senhor: Eis que aqui está Elias.
E poderia ser que, apartando-me eu de ti, o Espírito do Senhor te tomasse, não sei para onde, e, vindo eu a dar as novas a Acabe, e não te achando ele, me mataria; porém eu, teu servo, temo ao Senhor desde a minha mocidade.
Porventura não disseram a meu senhor o que fiz, quando Jezabel matava os profetas do SENHOR? Como escondi a cem homens dos profetas do SENHOR, de cinquenta em cinquenta, numa cova, e os sustentei com pão e água?
E agora dizes tu: Vai, dize a teu senhor: Eis que Elias está aqui; ele me mataria.”

1 Reis 18.6-14

O medo de Obadias era de morrer, e o homem de Deus não tem esse medo, pois se já venceu a morte eterna, imagine a morte física.

Obadias era mordomo de Acabe e Jezabel, e era temente a Deus, imagine como seria isso possível?

Ele estava numa posição difícil, por isso achava que todos sabiam o que ele tinha feito de bom, que era alimentar os profetas. Na verdade, Obadias já tinha abandonado a Fé-Sacrificial e, automaticamente, entrado na fé religiosa, tradicional.

O diabo quer alimentar o espírito do medo, para que o homem e a mulher de Deus se contentem em fazer o que é bom, e não o que é certo. Porém, o lugar do servo de Deus é em cima do Monte e não nas covas do Monte. Elias, por sua vez, não aceitou aquela palavra de intimidação que veio de Obadias.

“E poderia ser que, apartando-me eu de ti, o Espírito do Senhor te tomasse, não sei para onde, e, vindo eu a dar as novas a Acabe, e não te achando ele, me mataria; porém eu, teu servo, temo ao Senhor desde a minha mocidade.
Porventura não disseram a meu senhor o que fiz, quando Jezabel matava os profetas do SENHOR? Como escondi a cem homens dos profetas do SENHOR, de cinquenta em cinquenta, numa cova, e os sustentei com pão e água?
E agora dizes tu: Vai, dize a teu senhor: Eis que Elias está aqui; ele me mataria.
E disse Elias: Vive o Senhor dos Exércitos, perante cuja face estou, que deveras hoje me apresentarei a ele.
Então foi Obadias encontrar-se com Acabe, e lho anunciou; e foi Acabe encontrar-se com Elias.
E sucedeu que, vendo Acabe a Elias, disse-lhe: És tu o perturbador de Israel?
Então disse ele: Eu não tenho perturbado a Israel, mas tu e a casa de teu pai, porque deixastes os mandamentos do Senhor, e seguistes a Baalim.”

1 Reis 18.15-18

Imagine, uma única pessoa confrontar o rei e dizer que ele, o rei, é que perturbava o povo. Elias é o protótipo do Verdadeiro Homem de Deus, pois, ele mostra, sem sombra de dúvida, que: O Homem de Deus é forte!

Por isso, ainda que aos olhos dos outros o que estamos a fazer seja errado, SE TEMOS A DISPOSIÇÃO DE NOS LEVANTARMOS, independentemente do que aconteça ou das circunstâncias, este é o segundo sinal de que o Fogo descerá!

Nunca se esqueça que sem Fé é impossível agradar a Deus! Isso significa que é necessário analisarmos o “NOSSO LEVANTAR”, a nossa disposição, em relação à Fé e a tudo o que lhe diz respeito.

Continua amanhã…

Leia também:
Parte 1

Deus é contigo, e eu também!

Bispo Júlio Freitas

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *