Mensagem

5 erros fatais que você não quer cometer!

São erros 100% humanos, sem que o mal tenha qualquer influência sobre o cometimento dos mesmos… porém, ao cometê-los, estará a abrir uma porta difícil de fechar…

Sou eu, você, somos nós… ninguém está imune a cometer estes CINCO ERROS GRAVÍSSIMOS, dos quais o diabo se pode aproveitar para destruir aquele a quem Deus chamou e escolheu para representá-Lo!

A questão é que, mesmo sendo chamados e escolhidos por Deus, se permitirmos que uma das cinco coisas que iremos mencionar em seguida faça parte de nós ou do nosso ministério, então, o nosso chamado será destruído.

Na verdade, todos aqueles que permitiram que qualquer uma destas 5 coisas fizesse parte do seu ministério, foram reprovados e removidos. Muitos deles estiveram no nosso meio… mas já não estão… e muitos dos que estão, infelizmente, devido a estas mesmas coisas, futuramente, já não estarão.

Mas, que erros são estes? Consegue identificá-los na sua vida?

1º MEDO

Está escrito que Deus levou o povo ao deserto para que lá fossem provados. Mas, por que motivo isto acontece? Porque Deus não quer perder ninguém, por isso Ele permite estas provações, para que sejamos sempre aprovados. Todas as provas a que você e eu fomos, somos ou seremos submetidos, é para que venhamos a amadurecer e Deus venha a ser glorificado. Porém, somos igualmente provados, para provar ao diabo que, ao contrário do que ele pensa, ele não conhece o nosso íntimo, as nossas intenções, às quais ele não tem acesso e nem à nossa mente e muito menos ao nosso coração!

Porém… o diabo é astuto, ele traz tentações, cria situações… e diante das nossas reações, provamos se demos ouvidos ou aceitámos aquele pensamento. E então? O que faz Deus? Submete-nos a provas, para que, através das mesmas, provemos e mostremos ao diabo, através das nossas ações, reações e decisões, a quem estamos a servir, a agradar: se a nós mesmos, a outros, a Deus ou a ele mesmo.

E é, precisamente, o medo de ser reprovado que tem levado muitos à reprovação. Porém, este medo é irracional, pois as provas nunca serão para nossa destruição e sim para nossa aprovação! Deus quer que tenhamos “nota máxima”, para a Sua própria Glória, pois Ele é o nosso Senhor! As provas, na realidade, são um processo de renovação, de amadurecimento… isto, é claro, quando não temos medo! Por isso, não permita que o medo faça parte do seu caráter, ministério ou Fé. Não tenha medo das provas ou desafios, pois elas são, unicamente, para seu benefício!

2º IMPACIÊNCIA

A impaciência levou muitos à destruição, a serem reprovados, removidos e, eventualmente, “mortos”. O homem de Deus não deve ser impaciente… mas, em relação a quê? Ao desenvolvimento do seu ministério, pois o mesmo não acontece da noite para o dia. A Igreja é um corpo e não é de um dia para o outro que ele cresce ou desenvolve. Mas,infelizmente, é por causa da impaciência de muitos que o Espírito Santo fica impedido de agir, pois onde existe impaciência, há inconstância. Observe que todo o impaciente é inconstante. Ele pode até fazer o que deve, porém, sem seguimento! Já toda a pessoa paciente é constante! E esta pessoa não usa a ilusão ou a fantasia, ela usa a Fé, com consciência! Por isso, ela está em paz consigo mesma, mas isto não invalida que exista revolta!

Saul foi impaciente e por isso fracassou e a sua história transmite-nos uma grande lição: de que devemos fazer da maneira de Deus, que não é carnal ou inspirada e sim paciente (não confundir com acomodação). O Senhor Jesus tinha paciência e exercitou-a, à semelhança de outros grandes heróis da Bíblia.

Continua…

Deus é contigo, e eu também!

Bjf

Bispo Júlio Freitas
juliofreitas.com

Tags:

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *