Mensagem

De quem és?

armySe você tivesse 1 milhão e 600 euros, isso não resolveria o seu problema!

E a prova é que um etíope tinha um milhão de soldados a pé e 300 carros de guerra, levando cada carro pelo menos 2 soldados, e não é que ele foi contra Israel, contra o povo de Deus! E Asa, rei de Israel, o que fez? Ficou de joelhos e clamou. Asa começou a jejuar para que Deus o livrasse da morte, tanto a ele como ao seu povo! Porque sabe quantos soldados tinha o rei de Israel? 500 mil soldados. Por isso, Asa ficou de joelhos, começou a jejuar e a buscar a Deus para que Ele o livrasse. Se jejuar, orar e buscar a Deus nos livrasse dos problemas, não teríamos problemas, não é verdade? A oração e o jejum fortalecem-nos para superar os problemas, mas não os resolvem.

Entretanto, o rei Asa montou no seu cavalo, chamou o seu exército, de apenas 500 mil soldados, e foi para a guerra. No caminho, falou com Deus e clamou. Mas, porque é que ele clamou a Deus? Porque ele era de Deus e, quando somos de Deus, temos a certeza de que somos ouvidos. Então, clamamos, porque somos d’Ele e, assim como somos d’Ele, Ele tem que ser nosso, ou não?

Se eu sou fiel à minha esposa, o que é que posso exigir dela? Fidelidade. Se amo a minha mulher, o que é que tenho de exigir dela? Amor. Se sou paciente com a minha esposa, posso exigir paciência? Claro que sim. A mesma coisa acontece com Deus. Então, o rei Asa não ficou a orar, nem a jejuar, nem à espera de uma resposta de Deus, ele levantou-se, pegou na sua espada, no seu escudo, montou o seu cavalo e virou-se para o seu exército, dizendo: “vamos e vamos vencer”. E eles responderam: “mas são 1 milhão e 600 soldados”. E o rei disse: “mas, o problema não é nosso, é de Deus. Nós não cremos em Deus, nós não O servimos? Não Lhe somos fiéis? Então, que Ele agora seja nosso, tal como nós somos d’Ele, que Ele nos guarde e nos livre. Não vou ficar aqui a orar e a jejuar, se fizermos isso, eles não nos vão matar só a nós, mas também às nossas esposas e aos nossos filhos. Não vou ficar aqui à espera de que um milagre aconteça, sem que eu faça a minha parte”.

Existem pessoas que esperam que Deus faça um milagre sem que elas façam a sua parte. Deus só faz a parte d’Ele depois de nós fazermos a nossa, essa é a verdade! Carregado, pesado e sobrecarregado, Cristo não moveu um dedo na Sua direção, e disse “vinde a mim”. A única coisa que Ele faz é dar a Palavra. Por mais cansado e aflito que você esteja, dará os passos que têm que ser dados até Ele e aí Ele libertá-lo-á. Sabe porque é que Deus faz isso? Para nos mostrar que fomos criados para sermos independentes, mas dependentes d’Ele.

Então, o rei Asa falou com o Senhor e disse: “Senhor, além de ti não há quem possa socorrer-nos numa batalha?”. Qual é a sua batalha? Qual é a minha batalha? Eu já sei qual é a minha, você sabe qual é a sua? E Asa disse mais: “entre o poderoso e o fraco”. Quem era poderoso? O etíope que tinha 1 milhão e 600 soldados. E Asa era o fraco, porque tinha apenas meio milhão. Mas os inimigos de Asa não tinham o que ele tinha, que era a presença do Todo Poderoso.

O rei de Israel continuou a falar com Deus, dizendo: “em Ti confiamos e no Teu nome viemos contra esta multidão”. Então, ele deixou bem claro que, até então, não tinha orado, nem jejuado, não tinha clamado ao Senhor, porque ele já era de Deus e confiava n’Ele. “Não prevaleça contra Ti o homem”, Asa disse e continuou: “Deus, eu vim aqui para essa guerra, confiando em Ti e no Teu nome, para que o Senhor nos livre, mas se o Senhor não nos livrar, ficará em evidência que o homem venceu a Deus”. O rei Asa pegou na sua fé em Deus e foi para a luta. Quem é que pode fazer isso com Deus? Quem é de Deus. Infelizmente, muitas pessoas escolhem confiar mais nas coisas materiais, no dinheiro, enfim, no exército. E o que representa hoje o exército? Representa a força, o dinheiro, o poder, a influência política, os amigos, a família, a religião, os conhecimentos, a experiência de vida… Hoje, o exército representa tudo o que todos nós temos que fazer uso, diariamente, para vencer as batalhas. Se você tem feito uso do seu exército e tem tido frutos e benefícios, então, continue assim. Mas, se você tem usado o seu exército e mesmo assim não tem superado os seus problemas, então, só tem uma saída: ser de Deus.

BISPO_MENSAGENS

Por seu servo em Cristo,
Bispo Júlio Freitas
bispojulio.com

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Sem comentários

ALCINA PINTO Responder 3 Setembro, 2010 às 9:14

DEUS ME CHAMOU PARA SEGUIR O CAMINHO DO SENHOR , EU ESTOU MUITO FELIZ, ME ENCONTREI COM ELE. AMO-TE MUITO MEU PAI

MARCIO Responder 4 Setembro, 2010 às 23:32

SANTIDADE AO SENHOR!!! PRECISAMOS BUSCAR AS COISAS DO ALTO PARA VENCER!!!