Mensagem

Somos os discípulos de Cristo hoje?

Gostaria de compartilhar com os meus amigos internautas um texto que recebi da esposa de pastor, Ana Santos, que está a fazer a Obra de Deus em Berlim, na Alemanha. Este texto é particularmente elucidativo quanto a uma das passagens mais marcantes da Bíblia, presente no Livro de Atos: Ananias e Safira. Espero que leia e medite sobre estas palavras, de forma a que elas façam tanto sentido para si como fizeram para mim…

“Ao ler, no livro de Atos, capítulo 5, a história de Ananias e Safira, fiquei a questionar-me sobre o que esta mensagem significa para mim? Eu não vou roubar a Deus, pois sei que isso é errado, então, o que será que o Senhor me quer mostrar? Fiquei a meditar sobre este assunto e eis o que Deus me revelou:

1º – Um voto, seja qual for, deve ser cumprido.
Por exemplo, se prometi dar algo a Deus tenho que cumprir! Agora, resta saber o que é que cada um de nós tem prometido a Deus e tem deixado a desejar…

2º – Safira encobriu o erro do marido.
Cada vez que eu encubro o erro de alguém estou a cometer o mesmo erro que a pessoa cometeu. Custe o que custar, eu tenho sempre que assumir a minha fé. Seja encobrir o erro do marido, o seu próprio erro ou até não dizer a verdade a alguém, no aconselhamento ou onde quer que seja, estamos a cometer o mesmo erro que Safira cometeu.

E vejam só qual foi o final destes dois? A morte!
Temos que estar atentos para que não nos aconteça o mesmo!

Por isso, temos que usar a nossa fé, tal como os discípulos o faziam. Eles não se importavam com o que as pessoas diziam sobre eles. A única coisa que eles tinham em mente era ganhar almas e anunciar a Palavra de Deus. Sempre que eram presos, açoitados ou alvo de calúnias pelo nome de Jesus e lhes diziam: “Ide, mas não anunciai mais esta Palavra” – sabem o que eles faziam? Retiravam-se e, regozijando-se de sofrer tal coisa pelo nome de Jesus, iam e anunciavam a Palavra de Deus.

A revolta que traziam dentro de si era tão grande que fazia com que eles, após passarem injustiças pelo nome de Cristo, anunciassem ainda mais o Evangelho e multidões se convertessem.

E nós, não somos os discípulos de Cristo hoje?”

Por seu servo em Cristo,
Bispo Júlio Freitas
bispojulio.com

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *