Mensagem

Ela existe no seu dicionário?

Quando pensa na palavra “revoltado”, o que lhe vem à mente? Sim, é um facto, a palavra “revoltado”, infelizmente, tem uma conotação bastante negativa, e quem faz uso da revolta, habitualmente, é associado a infrator ou indisciplinado… revolta

Todavia, nem toda a revolta é má e nem todo o revoltado é um rebelde sem causa. Existe a boa revolta, a positiva, que age a nosso favor e não contra nós, que produz bons resultados e não a punição social e má imagem, esta é a revolta interior, contra os problemas, a condição de vida, o incumprimento dos sonhos, os obstáculos, a sensação de incapacidade, a auto-desvalorização, a angústia, a opressão…

Para esta revolta, os sonhos são para se cumprir, desistir não é uma opção e o objetivo final é a única conclusão aceitável. Faça uso desta “boa revolta”, não se acomode, 2015 tem 12 meses e cada um dos meses, semanas, dias, horas, minutos e segundos são oportunidades em aberto, faça uso delas! E lembre-se: mantenha-se sempre firme no seu propósito!

Deus é contigo, e eu também!
Bispo Júlio Freitas

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *