Mensagem

O segredo é reconhecer!

reconhecer_cdaAdmitir, aceitar, confessar… o ato de reconhecer é um dos mais poderosamente humildes diante de Deus e que Lhe confere livre acesso para agir na vida de quem o aciona.

Deus só aparece quando estamos na “cova dos leões”. Ele não livrou Daniel da cova, mas livrou-o de ser devorado pelos leões. Ele não livrou Sadraque, Mesaque e Abedenego da condenação à fornalha, mas, ainda assim eles não se dobraram, e, lá mesmo na fornalha, o Senhor Jesus apareceu.

É certo que todos querem ver Deus nas suas vidas, mas ninguém “quer ir para a fornalha”, querem ver Deus, sim, mas fora dela. Porém, o nosso Deus, o Deus-Vivo, o Deus da Bíblia, é Especialista no Sobrenatural, em casos impossíveis, em situações graves, extremas, porque é aí que Ele fica em evidência.

Então, você que talvez se questione sobre o motivo de não ver as coisas acontecerem exteriormente, fisicamente, visivelmente você pode não estar a ver, mas, espiritualmente, está acontecer, pois, você e eu estamos numa guerra, gostemos ou não. E, nessa guerra, Jesus já disse quem vence: O MAIS VALENTE! Ele não disse “o mais forte”, porque nós temos que ser mais valentes do que o diabo, superando as tentações, tribulações, perseguições, sentimentos, porque, senão, o diabo, que é como o leão, vai-lhe devorar.

Todavia, existe um outro fardo que muitas pessoas carregam, que é o fardo da culpa, o fardo do pecado. Se cometemos um pecado, um erro, o que temos que fazer?

“Caí, errei, então, agora vou voltar à velha vida. Vou sair da Igreja, negar a minha Fé, vou blasfemar, vou dizer que não vale a pena, vou fazer o que o diabo me está a dizer, que realmente eu não mereço, que sou um falhado, um hipócrita, que a minha Fé é insignificante, que Deus não me ama, que não vale a pena, que destruí tudo o que fiz”.

Será que é isso que temos que fazer? Foi isso que fez Davi? Davi errou, e de forma grave. Ele cometeu homicídio e adultério, porém, ele reconheceu.

Reflita comigo, por que é que Deus deixou todo esse episódio por escrito? Será que não poderia ter sido evitado? Claro que sim! Quem foi Davi? O grande rei Davi… mas Deus deixou registado para que tivéssemos um exemplo a seguir.

Se errou, falhou, não blasfeme, não renegue, não esconda ou fuja… você vai sofrer as consequências, isso é inevitável. E porquê?

“Porque Eu Sou Justo e Quero que você cresça, amadureça, aprenda, desenvolva a sua comunhão Comigo, por isso, você vai sofrer as consequências, não Sou Eu que vou castigar. Você vai colher o que plantou, mas não é porque você plantou que vai negar a sua Fé, desesperar-se, matar-se ou matar os outros. Calma! Calma! Calma! O mais importante você já fez, que foi assumir a Fé Mim, agora, obedeça”.

Davi reconheceu, confessou e Deus perdoou e restaurou-o, deixando, para nós, um exemplo a seguir. Você errou, caiu em pecado? “Caí”. Então, caia de joelhos diante de Deus, confesse o seu pecado, e você verá se Jesus não te levanta. Quem ficará caído será o diabo. Quem ficará caído é quem não quer reconhecer, confessar e buscar a Deus. Agora, se você cai e permanece caído, então, é porque você não caiu diante de Deus!

Bispo Júlio Freitas
juliofreitas.com

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *