Mensagem

O Segundo Mandamento de Deus

Alguém dirá que cumprir os 10 Mandamentos é muito difícil, impossível. Contudo, Jesus disse que com apenas dois mandamentos se cumprem todas as Leis, desde Génesis a Apocalipse… maos

AMAR A DEUS DE TODO O SEU ENTENDIMENTO, TODA A SUA FORÇA E DE TODO O SEU CORAÇÃO E AMAR O PRÓXIMO COMO A SI MESMO!

Estes dois Mandamentos simbolizam a Cruz: a haste vertical, o amor a Deus e a horizontal, o amor ao próximo. Quando o Senhor Jesus Mandou que cada um de nós tomássemos a nossa cruz e O seguíssemos, Ele estava a pedir para cumprirmos estes dois Mandamentos, que nos capacitam a cumprir com todos os Demais. E, então, passamos a estar libertos, realizados e protegidos, que é a Trindade de Deus: 3 em 1.

2º MANDAMENTO: “Não farás para ti imagem de escultura… não as adorarás…”

Está no poder do ser humano fazer muitas coisas, como por exemplo, voar, descobrir outros planetas… quem diria que teríamos uma tecnologia tão avançada, com pessoas a andarem com uma perna biónica, outras com um coração de plástico, e outras ainda a verem com um olho biónico. Há pessoas que estão vivas ligadas a máquinas… ou seja, Deus criou e o ser humano tem a capacidade de desenvolver e de fazer outras coisas, mas também de se auto-destruir, como vemos acontecer por meio de armas, guerras, da política corrupta. Então, Deus sabe e diz: Não faça isso! Se os outros estão a fazer algo para a sua própria destruição, você não deve fazê-lo, pois a decisão está no seu poder, porém, Deus diz: quem crê em Mim, se libertou, aceita os Mandamentos de Deus, O tem como seu único Deus, Senhor e Salvador… não faça para si imagens!

Esta imagem, não é apenas aquela imagem horrível, ridícula, à qual você e eu orávamos, criamos e venerávamos quando éramos católicos, apostólicos, romanos e cegos. Esta imagem da qual falo, é a que você projeta de si mesmo, que você cria e coloca acima de tudo, sobre o que você pode vir a ser, a fazer, a criar e apegar-se, pois, no mundo, as pessoas para si e sobre si mesmas imagens: “quero ser isso, ter aquilo, quero fazer isso, quero ser assim, quero estar aqui, ali…”.

“Não farás para ti imagem de escultura…

As esculturas representam o simbolismo. Entenda que aquilo que você faz, não tem o poder, a bênção, a vida que tem quando é Deus Quem cria. A maior Obra de Deus não foi o Universo, mas você! Você e eu somos imperfeitos, mas somos seres humanos, criados à Imagem e Semelhança de Deus e sobre quem Ele quer colocar o Seu Espírito. Assim como dentro da Arca da Aliança tinha 3 elementos: o maná, que representa o Senhor Jesus, o Pão Vivo que desceu do Céu; a vara de Arão, que representa a Fé-Viva que floresceu, por meio da Fé, o Espírito Santo floresce, quer dizer, há os frutos do Espírito, porque a pessoa se liberta, converte, Nasce de novo e é Batizado com o Espírito Santo; e as Tábuas das Lei.

Você deve apenas cultuar a Deus, e não criar, fazer imagens de escultura. Não o faça! A casa, a mansão, o carro, o avião, tudo o que o ser humano pode criar ou criou, não deve ser jamais adorado ou venerado. Você não se pode apegar a essas coisas, porque tudo isso é falho, só Deus é Perfeito!

E Deus conclui, dizendo: “não as adorarás…”. Porque a quem ou a quê você adorar, esse para si, será o seu deus. O diabo não precisa que você pratique o ocultismo, o satanismo, magia negra, que você faça um pacto com ele, corte as suas veias, sangre, vá no cemitério, à encruzilhada, invoque a satanás… ele não precisa de nada disso. O diabo, para entrar no corpo do ser humano, basta ele abrir uma porta: a mente, os olhos, os ouvidos, a boca e outros mais. E quando você adora algo que você mesmo, o ser humano, criou, como por exemplo, as jóias, os bens, a fortuna, a beleza, a fama, a moda, ou o corpo esbelto, esculpido, Deus não será o seu deus e será, sim, este algo ou alguém… Por outras palavras, você não está protegido, liberto e, consequentemente, não será realizado e muito menos Salvo!

Não se engane, há pessoas que tiraram uma imagem da parede, do pescoço, do bolso, da carteira, o símbolo de uma imagem de escultura, inspirada por satanás e esculpida pelos seus filhos ou fabricada numa fábrica, mas existem outras imagens, muitas outras. O ouro, por exemplo, tem sido uma imagem adorada pela maioria dos seres humanos. A incredulidade tem sido uma imagem venerada nos dias de hoje, a sensualidade, o desporto, a moda, as religiões, o consumismo e tantas outras coisas que o ser humano cria. Por isso, é que você e eu temos sempre que nos policiar!

Bispo Júlio Freitas
juliofreitas.com

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *