Mensagem

Os subornados

Profissionais da “fé”, pregadores de meias verdades e de meias mentiras, e o pior, tudo com base na Palavra de Deus… 17_OUT-

E, por fim, o Espírito Santo revelou a Neemias os meandros do que realmente se passava. Semaías era a segunda parte do plano, caso as 5 cartas enviadas não surtissem o efeito desejado. Como era sabido que Neemias era um homem espiritual e por isso revoltado, corajoso e perseverante em fazer a Vontade de Deus e não a sua, o pseudo-sacerdote tentaria fazer com que ele entrasse no Templo do Deus-Vivo de forma indevida, já que quem deveria entrar no Templo, no passado, era apenas o sacerdote e com Sacrifícios Perfeitos.

Então, percebi que não era Deus quem o enviara; tal profecia falou ele contra mim, porque Tobias e Sambalate o subornaram. Para isto o subornaram, para me atemorizar; e para que eu, assim, viesse a proceder e a pecar; para que tivessem motivo para me infamar e me vituperassem.” (Neemias 6.13)

Se os inimigos tivessem alcançado os seus intentos, o povo certamente ficaria contra Neemias. Passaria a ser conhecido como o “profanador” do Templo do Senhor. Este foi, com certeza, um estratagema arquitetado por uma potestade do mal, que não são os mesmos demónios que escravizam por meio do nervosismo, depressão, desemprego, toxicodependência, doenças… a todos os que desconhecem a Verdade que Liberta!

Já as potestades trabalham num outro nível de destruição, usam circunstâncias. As potestades estão ao derredor dos Homens e Mulheres de Deus, situações fora e dentro da Igreja, para o levar a fazer uso indevido da fé, e, consequentemente, oferecer pão imundo no Altar do Deus-Vivo.

Todavia, Neemias desarmou esta arapuca inspirada pelo diabo e seus filhos Sambalate, Tobias, Gesem, Semaías e a fulana da Noadia, destituindo o mercenário do falso profeta Semaías. E como se não bastasse, pediu para Deus pesar a Sua Mão e fazer Justiça sobre esta gente malvada e mal intencionada, quando orou ao Senhor, dizendo:

Lembra-te, meu Deus, de Tobias e de Sambalate, no tocante a estas suas obras, e também da profetisa Noadia e dos mais profetas que procuraram atemorizar-me.” (Neemias 6.14)

Neemias entregou os seus inimigos nas Mãos de Deus, pois Ele era O Único capaz de o justificar, de fazer jus à sua fé e ao que estavam a fazer para destruí-lo, pois a obra não era sua, mas seria o cumprimento do Plano que o Próprio Deus colocara no seu coração!

Bispo Júlio Freitas
juliofreitas.com

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *