Mensagem

Para tudo há uma razão, para Deus existem três

Happy man

Para que você tenha um problema resolvido? Para que você se sinta melhor que os demais? Para que os outros lhe respeitem?… muito redutor este pensamento, não acha?

Na verdade, não existe 1 motivo, mas sim 3 razões básicas que estão por detrás da Justiça de Deus para a sua vida…

Conheça as 3 grandes razões:

1ª Razão: PARA QUE VOCÊ SEJA FELIZ! Mas, em quê? A nível espiritual, sentimental, saúde, familiar, bem-estar, profissional… em suma, para que a sua felicidade seja completa em todos os sentidos da sua vida! Ou será que é possível alguém ser feliz sendo injustiçado??? Como Pai, Deus Quer que os Seus Filhos sejam felizes, realizados… tanto que, em certa ocasião, observando a tristeza presente nos Seus discípulos, o Senhor Jesus, indignado, perguntou-lhes a razão da sua tristeza, já que não havia nada que eles pudessem pedir a Deus, em Seu Nome, que não lhes fosse concedido. É através do uso do Nome do Senhor Jesus que alcançamos a Justiça Divina, quando realizamos um Propósito de fé, entrega e Sacrifício, o fazemos voluntariamente porque sabemos que a Fé, sem Obras, é morta!

“Se vós estiverdes em Mim, e as Minhas Palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito. Nisto é Glorificado Meu Pai, que deis muito fruto; e assim sereis Meus Discípulos.
Como o Pai Me amou, também Eu vos amei a vós; permanecei no Meu Amor-Justiça. Se guardardes os Meus Mandamentos, permanecereis no Meu Amor-Justo; do mesmo modo que Eu tenho guardado os Mandamentos de Meu Pai, e permaneço no Seu Amor-Justo.
Tenho-vos dito isto, para que o Meu Gozo permaneça em vós, e o vosso gozo seja completo.”

(João 15.7-11)

2ª Razão: PARA QUE HAJA DIFERENÇA ENTRE O JUSTO E O INJUSTO; entre o incrédulo e aquele que, verdadeiramente, crê; entre o que pratica a Verdade e o que pratica a mentira das religiões; entre o que serve a Deus, e o que não serve a Deus… e que, por meio da Justiça Divina, seja vista a diferença entre os que usam a Fé em Deus e obedecem, e entregam-se, sacrificam e, consequentemente, são realizados, ao contrário daqueles que não o fazem. Acontecendo esta diferenciação, então, você poderá Testemunhar, pois somente assim os injustos, religiosos, arrogantes, fanáticos, incrédulos, hipócritas, desequilibrados, são Evangelizados, Libertos e Salvos!

“Então voltareis e vereis a diferença entre o justo e o ímpio; entre o que serve a Deus, e o que não O serve.”

(Malaquias 3.18)

3ª Razão: PARA QUE ELE SEJA EXALTADO por meio do seu cárater e vida. Deus só pode ser Exaltado por meio de factos e não palavras, pois estas somente O podem adorar e louvar. Assim como a Fé sem obras é morta, também as Suas Promessas sem concretização, materialização, são apenas palavras. Mas, quando se cumprem, tornam-se factos-incontestáveis. Desta feita, só poderemos Exaltar a Deus por meio do nosso caráter, adorá-Lo por meio do nosso culto racional, equilibrado, sem fanatismo, sem repetições de palavras…. Quem não tem caráter não Exalta a Deus, pois tal só acontece por meio do seu caráter (justo)! Só os Milagres é que Glorificam a Deus, os milagres (as Suas Promessas que se materializam em todas as áreas da nossa vida) Glorifica-NO.

“Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos Céus.”

(Mateus 5.16)

Então, questione-se a si mesmo: por que é que você está em busca da Justiça Divina?

Para aparecer? Para se vingar? Para provar algo a alguém? Para resolver o problema e já é tudo? Ou porque tem estas 3 Razões?

1ª Ser feliz; 2ª Evangelizar aos injustos; 3ª Para que Ele seja Glorificado.

Conhece o sinal de = ? Pois bem, a partir deste dia em diante, ele deverá ser terminantemente rejeitado por si! Porquê? Porque foi o Próprio Deus que afirmou que a maior injustiça é a igualdade, e foi por isso que Abraão intercedeu a Deus quando disse:

“Longe de Ti o fazeres tal coisa, matares o justo com o ímpio, como se o justo fosse igual ao ímpio; longe de Ti. Não fará justiça o Juiz de toda a terra?”

(Génesis 18.25)

A vida do Justo, de maneira alguma poderá ser igual à do incrédulo! Se você não aceita que a sua vida financeira, sentimental, física, familiar, universitária e espiritual continue igual, então, provoque a diferença (Justiça) no Altar do Sacrifício, que é o Tribunal do Justo Juiz.

Deus é contigo e eu também

Bjf

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *