Mensagem

Passe uma borracha

4º O que é o arrependimento? O arrependimento é um sentimento de tristeza ou pesar por um erro que foi cometido. A compreensão do verdadeiro arrependimento é importante para cada cristão pois:

a. O pecador deve reconhecer os seus pecados. Este é o primeiro passo para um arrependimento sincero e honesto: ninguém pode arrepender-se por algo que não reconhece.

b. O pecador deve odiar o pecado. Se o pecador não vê o pecado como algo repugnante e odioso, então, certamente irá cometê-lo novamente e será escravizado por ele.

c. O pecador tem que abandonar o seu pecado. Se não voltarmos as costas ao pecado agora, nunca nos veremos livres dele. De nada adianta pensar que triunfámos sobre o pecado se ele ainda está perfeitamente ao nosso alcance. Por exemplo, às vezes associamo-nos com pessoas que não compartilham a nossa fé, sendo que as mesmas, habitualmente, acabam por nos levar por caminhos errados, juntamente com elas. Por isso, mesmo que tivéssemos de resistir, eventualmente, acabaríamos por cair. d. O pecador deve esquecer completamente o pecado. O último passo do arrependimento total é esquecer o pecado cometido, como se este nunca tivesse sido cometido.

5º Qual é o momento certo para ser batizado? A pessoa decide batizar-se nas águas quando se apercebe que o seu modo de vida não tem sido correto diante de Deus e, consequentemente, decide começar uma nova vida com o Senhor Jesus.

6º Com que idade posso ser batizado? Quando a pessoa atinge uma idade consciente para tomar esta decisão individual; na maioria dos casos, a partir dos treze anos de idade em diante.

{slide=1ª parte}
“Batismo nas Águas: O princípio de uma Vida Nova”

Estamos a viver a Semana do Arrependimento! E o verdadeiro arrependimento culmina sempre no Batismo nas Águas, que terá lugar no dia 3 de junho. Existem muitas questões sobre este tema que é urgente esclarecer, para que não cometa o erro de ser batizado pelos motivos errados. Esta é a decisão mais importante do início da sua fé, por isso, acompanhe-nos ao longo destes 7 dias, em que iremos dar reposta a todas as suas questões!”

1º O que é o Batismo nas Águas? O Batismo nas Águas é a separação definitiva do homem da sua vida terrena e o início de uma nova vida como um Cristão completo. É mais do que uma cerimónia pública de conversão de uma pessoa ao Senhor Jesus, significa que o mundo está completamente morto para nós, através do processo de sepultamento do Batismo. Deixamos de ter em nós a velha natureza pecaminosa. Por outras palavras, o pecado deixa de nos governar quando morremos para ele através do Batismo. Depois da Sua ressurreição, o Senhor Jesus ensinou aos Seus discípulos sobre a importância do Batismo, dando-lhes uma clara ordem: “Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo.” (Mateus 28.19)

2º Por que é que preciso de ser batizado? É importante ser batizado após o arrependimento, seguido da decisão de abandonar uma vida de pecado e aceitação de Jesus como o Único Senhor. O arrependimento é a primeira condição para o Batismo. Normalmente, temos casos em que as pessoas são batizadas sem que haja arrependimento; não são “convertidos” a Cristo, mas “convencidos” d’Ele. “Quem crer e for batizado será salvo; quem, porém, não crer será condenado.” (Marcos 16.16)

3º Por que é que o Batismo é feito por imersão? O Batismo nas Águas significa o início de um novo modo de vida, pois a água é o elemento mais natural de purificação. O Batismo por completa imersão na água representa o enterro total. Por esta razão, o Batismo é feito somente por imersão. “Batizado Jesus, saiu logo da água, e eis que lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba, vindo sobre ele.” (Mateus 3.16)
{/slide}

Mensagem extraída do Livro
“Batismo nas Águas: O princípio de uma Vida Nova”
,
de Júlio César L. Freitas

Bispo Júlio Freitas
bispojulio.com

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Sem comentários

maria Responder 30 Maio, 2012 às 12:52

bem, isso tudo é verdade, mas o meu pecado é diferente, está enraizado na minha mente. sempre fui uma pessoa de pensar mais do que falar. o meu pecado está na mente, como é que eu livro-mo disso? o príncipe encantado é o sonho de qualquer mulher, mas já é demasiado o pensamento sobre isso. como paro? principalmente quando estou em casa penso nisso, pois não há outras actividades q possa fazer. o pensamento está sempre vindo. como ter ódio disso?, simplesmente vem…

silvio vieira Responder 5 Junho, 2012 às 18:04

BISPO EU PASSEI PELO MESMO PROCESO O VERDADEIRO ARREPENDIMENTO CUSTA A ALGUMAS PESSOAS RECONHECER OS PROPRIOS ERROS, MAS KEM KER SE TORNAR VERDADEIRO, NAO TOMA OUTRA OPCÃO A N SER LARGAR A VELHA CRIATURA.