Mensagem

Por quê… hein?

gideaoTal como eu e você, Gideão não era um homem perfeito, mas nele havia características que chamavam a atenção de Deus e que todos nós podemos desenvolver…

Não era indolente, acomodado, malhava o seu trigo no lagar (onde se trabalhava a azeitona ou a uva) local que, na maioria das vezes, era pequeno, fechado. Ou seja, Gideão estava num lugar pequeno a fazer algo que exigia um espaço grande e ele fazia isso, derivado ao medo que os oprimia, ao facto de, a qualquer momento, ser roubado…

Deus não escolhe qualquer pessoa para fazer algo que O coloque em evidência, é preciso que essa mesma pessoa tenha a característica de ser Revoltado, Ativo, tal como Gideão o era, mesmo em amargura de espírito pela situação em que vivia. Ainda que diante da sua grande família, Gideão não se acomodou.

Gideão e a sua família viviam oprimidos, escravizados e só não eram mortos por um único motivo: continuar a plantar para, no ano seguinte, os seus inimigos voltarem a roubar tudo. Ele e a sua família viviam escravizados, aprisionados, porém, sem ser numa prisão de quatro paredes, sem estarem amarrados, agrilhoados ou sem serem chicoteados… tal como a prisão em que, quem sabe, você tem vivido, recriada pela doença, pela miséria, pela falta de condições permanente, seja para si como para os seus filhos, por um casamento ou relação sentimental fracassada ou até mesmo infernal, da qual você não sabe como sair…

Porém, quando o Anjo (representando o Próprio Deus) apareceu para Gideão, este apelou para a sua razão. Gideão não orou, não adorou, não fez silêncio, não jejuou, mas questionou, simplesmente apelou para sua Fé Racional, perguntando sobre as Maravilhas que os seus pais lhe contaram. Ou seja, já da primeira vez que Deus apareceu a Gideão, ele mostrou-se um homem consciente e revoltado, sem nunca antes ter tido uma experiência com Deus.

E Deus apareceu para ele naquele momento, precisamente porque Gideão estava Revoltado! Noutras alturas, Gideão já se tinha revelado um homem trabalhador, empenhado, mas ainda não Revoltado!

Da mesma forma, Deus aparece para cada um de nós, dando-nos oportunidades quando estamos Revoltados… pois, até podemos ser trabalhadores, honestos, obedientes, mas, o que realmente chama a atenção de Deus para nossa vida é a Revolta.

Se em mim ou em si não existe Revolta, Deus não dá Direção, Ele não nos desafia e acabamos por não fazer aquilo que precisa de ser feito.

Mentalize-se de uma coisa: Deus só aparece quando a nossa Fé atinge o auge, e o auge da Fé é a Revolta-Inteligente! A Revolta contra tudo o que é contrário às Promessas de Deus para as nossas vidas, o que nos impede de glorificar a Deus.

Gideão era consciente de que a sua vida, família, situação, não era uma maravilha e isso o revoltava! E, por esse motivo, Deus apareceu para ele. Deus aparece para as pessoas que se revoltam na Fé para que Ele fique em evidência, pessoas que querem ver o problema resolvido para que Deus possa APARECER = SER GLORIFICADO, HONRADO.

Por e para isso, faça o que nunca fez, entregue-se de espírito, alma e corpo, sacrifique para o Deus Vivo e Ele resolverá todos os problemas da sua vida!
E não se engane, pois não será tudo de uma vez, mas, um a um, serão superados os seus problemas e os sonhos serão realizados.

Lembre-se, a situação de Gideão era desesperante, sim, mas ele mantinha-se revoltado, e o que mais o revoltava era, precisamente, a sua situação diante da sua Fé! Ele trazia dentro de si uma Fé num Deus Grande, sendo que Deus apenas escolhe quem apela para a sua Fé-Inteligente, pois, esses revoltam-se com inteligência, com a perceção de que terão de fazer alguma coisa para resolver o(s) seu(s) problema(s).

Para finalizar, deixo-lhe uma pergunta para que você responda:

“Como posso crer num Deus tão Grande…?”

… e aceitar as doenças como cruz, cara, destino, provação;
… e aceitar viver na miséria;
… e ter a família destruída por vícios, brigas;
… e ser traído, abandonado infeliz no amor;
… e viver perturbado por depressões, traumas, pânico, oprimido…

O máximo da Fé acontece quando nos Revoltamos com base no Prometido por Deus, pois, a nossa Fé vai além da resolução de problemas, a nossa Fé resolve problemas e leva-nos à maior de todas as conquistas: A SALVAÇÃO DIÁRIA DA NOSSA ALMA!

Deus é contigo e eu também

Bjf

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *