Mensagem

Quais são as provas de que você (ainda) é infantil?

infantilSerá pela roupa? Pela aparência? Pelos hábitos que revela? Não… pois estes sinais não são assim tão óbvios, mas atestam, sem sombra de dúvida, que a sua infantilidade ainda está no auge!

1º Compara-se sempre com os demais

Infelizmente, não são poucas as pessoas que revelam este primeiro sinal, fazendo questão de se comparar constantemente com os outros. E na sua jornada pela auto-aprovação e aprovação por parte dos que os rodeiam, comparam-se a diferentes níveis, seja na classe social, a nível salarial ou rendimentos com os colegas de trabalho (se ganham mais ou menos…), ou seja, as suas comparações consecutivas acontecem:

  1. Física;
  2. Económica;
  3. Sentimentalmente

A Bíblia diz para sermos imitadores do Senhor Jesus, que não nos exige perfeição, mas sim, humildade, santidade… e quem fica a comparar-se com os outros, simplesmente, deixa de “ser” e corrompe-se. Deus diz para olharmos para Abraão, amigo de Deus, obediente em tudo, andou com Deus… e que não esqueçamos da mulher de Ló, que olhou para trás e se corrompeu, pois, apesar de ter saído de Sodoma e Gomorra, ela insistiu em continuar com Sodoma e Gomorra dentro dela, desobedecendo a Deus.

2º Mostra preocupação e ansiedade em “ter” algo

Vivemos numa sociedade em que “quem não tem, não é ninguém!”. Preocupados e constantemente ansiosos, assim vivem os seres humanos na atualidade… mas, em ter o quê? Tudo e nada! Um(a) namorado(a), um(a) noivo(a), um marido ou uma mulher, um curso superior, um emprego, uma empresa, fama, uma casa, estatuto e dinheiro, muito dinheiro, em muitos casos, para não ter de trabalhar mais na vida.

Mas, o problema nem sequer está em “ter”, pois devemos ter sim, já que é um direito nosso… porém, neste processo, não nos podemos perder de nós mesmos quando revelamos ansiedade ou desconforto, causados pela preocupação exagerada ou vontade de competir, dando a parecer que apenas o “ter” importa e nada mais.

3º Anseia pelo reconhecimento e aprovação dos outros

Estas são as pessoas que, em tudo o fazem, dizem ou revelam, é sempre para os outros… mas, por que motivo? Porque acreditam que será o facto de serem “vistos” pelos outros que lhes dará o reconhecimento necessário para se sentirem aceites, seguros, confiantes, realizados e felizes… mas, quanto engano e frustração…

Depender do reconhecimento ou aprovação de outrem é um claro sinal de imaturidade, pois, antes de tudo, a sua segurança deve começar no seu interior, pois, só assim você conseguirá relacionar-se com os outros de uma forma sólida e sadia, nunca submisso à vontade dos outros ou autoritário, mas sempre de igual para igual.

Analise-se e veja se deteta em si algum destes 3 sinais ou até todos em simultâneo, para que possa crescer, desenvolver e evoluir para o ser humano maduro, seguro, confiante e independente que você foi criado para ser!

Deus é contigo e eu também

Bjf

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *