Mensagem

Qual é a lágrima mais amarga de todas?

lagrima_cdaQuando se formam, há um misto de dor, opressão, amargura e desespero… elas expressam o que de mais profundo inquieta o ser humano e não há praticamente nada que as faça parar…

Existem duas grandes razões, completamente antagónicas, que nos podem levar a chorar: a tristeza e a alegria. Quando a alegria nos invade de tal forma, ela exprime-se da mesma forma que a tristeza quando esta nos invade: através das lágrimas.

De traição? De perda? De humilhação? Já alguma vez pensou qual será a lágrima mais amarga que o ser humano poderá chorar?

Quem sabe as da traição de um amigo, de alguém a quem se ama, de um familiar… as lágrimas da depressão, da opressão interior, da perda de um familiar… as lágrimas da injustiça, da angústia, do medo, da tristeza, da solidão, da discriminação sofrida quem sabe ao longo de uma vida…

Não, por mais angustiantes que sejam, nenhuma destas é a mais amarga lágrima que um ser humano pode chorar, pois, a pior de todas é aquela que muitos já derramaram e tantos outros continuam a derramar, neste preciso momento, que é a do medo, do pavor da morte, causado pela incerteza da Salvação.

Todo o ser humano, pobre ou rico, culto ou inculto, homem ou mulher, eventualmente, chora a lágrima do medo da morte. Mas, que lágrima é esta? É a lágrima vertida nos últimos momentos de vida, naquela fase em que tudo parece perdido e que o caminho é, aparentemente, sem volta… mas, quem tem a capacidade de parar estas lágrimas? Uma pessoa apenas: VOCÊ!

Não é Deus que está por detrás destas lágrimas de amargura. Aliás, Ele é a solução para o fim das suas lágrimas, pois, a partir do momento em que lhe proporcionar uma morada no seu coração, em que Ele se tornar o Rei da sua vida, Ele dar-lhe-á a certeza da Salvação, a Água da Vida, o Espírito santo, a garantia de uma morada celestial.

É esta segurança de que milhões têm carecido no mundo inteiro para que não mais chorem lágrimas de amargura ou de tristeza, independentemente de quando virão os seus últimos minutos de vida, pois o Senhor enxugará dos seus olhos todas as lágrimas! Por isso, ao invés de se preocupar em investir na sua vida terrena, invista na sua VIDA ETERNA!

E mesmo depois da morte, quem não aceitou chorar de arrependimento, irá chorar de amargura, tanto nesta vida como depois, na morte eterna, pois, assim diz a Palavra de Deus:

“… Ali (inferno) haverá choro e ranger de dentes, quando virdes, no Reino de Deus, Abraão, Isaque, Jacó e todos os profetas, mas vós, lançados fora.”

Lucas 13.28

Bispo Júlio Freitas
juliofreitas.com

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *