Mensagem

Qual é o problema da sua fé?

vida_cdaÉ um dos fardos mais pesados que o ser humano pode carregar e que, infelizmente, a grande maioria não sabe a melhor maneira de se livrar do mesmo…

Sentem-se consumidas, dia após dia, questionando-se sobre o que fazer para resolverem os seus dilemas… mas, que fardo tão pesado é este que milhares de pessoas carregam e do qual não se conseguem livrar?

“Eu creio em Deus, vou ao CdA, faço as minhas orações, sou um dizimista fiel, sou aplicado no que faço, sou uma pessoa honesta e só me acontecem problemas. Como é que pode ser? Eu procuro fazer tudo certo, e dá tudo errado?!? Meu Deus, qual é o meu problema? Onde é que está o problema? Por que é que a minha Fé não funciona? Por que é que o Senhor não me ouve? Por que é que o Senhor não se importa comigo?” – É ESTE O FARDO QUE ELAS CARREGAM!

A questão é que não há problema algum com a sua Fé (se a mesma está no Deus-Vivo, através da obediência à Sua Palavra). Mas, não é por sermos honestos, crermos e buscarmos a Deus, nos desviarmos do mal, que tudo vai ser um mar de rosas. Eu escrevi, recentemente, no Instagram: “Quem quer colher rosas, deve suportar os espinhos. Quem quer desfrutar da primavera, deve suportar o inverno”. Quer dizer, todos nós gostamos do bom e do fácil, mas, muitas vezes esquecemo-nos do que acontece anteriormente. Por isso, não é porque você está a enfrentar problemas, algo deu errado, está ser injustiçado, tentado, pressionado, odiado pelo mundo, que alguma coisa está errada com a sua Fé.

A sua Fé não está em Jesus? Na Palavra de Deus? Nos Seus Mandamentos? Então, ela está certa! Você não tem a sua consciência limpa? Então, você está bem! Nesse caso, por que é que as coisas não estão a acontecer? PORQUE TODOS ENFRENTAMOS PROBLEMAS!

Abraão não enfrentou problemas? Inúmeros! O seu filho Isaque não enfrentou problemas? E Jacó? Tantos que perdemos a conta. E Moisés, o grande líder? Com certeza que sim e são bem conhecidos! E José? Todos se lembram de José e, quando se lembram, recordam-se que ele foi vendido pelos próprios irmãos. E Daniel? E Josué? E Ana? E Rute? E Ester? E Débora? Estão a compreender?

Haveria algo de errado com a Fé destas pessoas? NÃO! Mas, não foi por elas terem enfrentado problemas, dificuldades, e as coisas não terem acontecido como elas esperavam, que blasfemaram, entregaram-se às deceções, tentações, problemas e deram as costas para a Fé. Não! Pelo contrário, foi aí que mais se firmaram, ficaram avivados, obedeceram e buscaram, deixando-nos um exemplo a seguir.

Meu companheiro de guerra, leia com atenção: o seu problema, assim como os meus, não são para nos destruir e sim para que sejamos fortalecidos!

A título de exemplo pessoal, não nos deram a guarda dos nossos filhos e durante 14 anos tivemos que viver sem eles. Teria sofrido muito menos se eles tivessem morrido, e digo isso publicamente, do que terem-nos tirado como aconteceu. Pelo facto de não nos terem atribuído a guarda das crianças sofremos imenso, pois não podíamos ser o pai e a mãe que éramos. Mas, nem por isso, neguei a minha Fé, blasfemei, reneguei, matei… vontade não me faltou de fazer vingança com as próprias mãos, poder ter a certeza, mas escolhi guardar a minha Fé, a minha Salvação e continuar servindo a Deus por meio do Seu Povo e Servos. E Deus honrou!

Demora? Às vezes sim. Não quero dizer que a sua honra vai demorar 14 anos, mas uma coisa é certa, quando ela chega, os 5, 10, 14 anos ou o tempo que for, são reduzidos a absolutamente nada!

Bispo Júlio Freitas
juliofreitas.com

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

1 comentário

Genilva dos Santos Evangelista Leite Responder 8 Abril, 2015 às 4:30

Eu comecei a furma com 12 ano parei com 22 ano agora to com 43 ano comecei a furma de novo ,fui obreira da universal trabalhei na obra de Deus 6ano e agora eu preciso de ajuda pra eu deixa de firma ,eu estou muito doente eu estou com água no joelho e dói muito mim ajude pastot