Mensagem

Enfrentando o deserto

enfrentando-deserto

“Os filhos de Rúben e os filhos de Gade tinham gado em muitíssima quantidade; e viram a terra de Jazer e a terra de Gileade, e eis que o lugar era lugar de gado. Vieram, pois, os filhos de Gade e os filhos de Rúben e falaram a Moisés, e ao sacerdote Eleazar, e aos príncipes da congregação, dizendo: Atarote, Dibom, Jazer, Ninra, Hesbom, Eleale, Sebã, Nebo e Beom, a terra que o SENHOR feriu diante da congregação de Israel é terra de gado; e os teus servos têm gado. Disseram mais: Se achamos mercê aos teus olhos, dê-se esta terra em possessão aos teus servos; e não nos faças passar o Jordão.”

(Números 32:1-5)

Quando os Israelitas deixaram o Egito, eles sabiam que tinham que viajar para uma terra que foi prometida aos seus antepassados. Não era suposto eles viverem em qualquer outro lugar.

Deus queria especificamente que eles viajassem pelo deserto. No deserto é onde você aprende sobre si mesmo; lá você só pode contar com Deus e mais ninguém. Você vive em dependência total d’Ele. Mas é aqui que muitas pessoas falham, porque a fé deles é emocional/religiosa. Eles tornam-se como aqueles que duvidaram de Deus. Ele jurou a Moisés que não iriam entrar na Terra Prometida. A jornada era suposto durar três anos, mas demorou 40 anos, porque aquela geração duvidosa teve que morrer no deserto.

Nós estamos a viver no deserto aqui na terra, é por isso que muitos Cristãos enfrentam dificuldades. O Céu é a Terra Prometida. Estando no deserto nos mantém na fé e no fogo. Paulo disse que devemos agradecer a Deus por tudo (1 Tessalonicenses 5:18). Olhe para as dificuldades com positividade.

A tribo de Rúben, Gade e a metade de Manassés aproximaram-se de Moisés e disseram-lhe o quanto prosperaram no deserto. Eles pediram para ficar em vez de atravessar o Rio Jordão. Algumas pessoas tem fé de prosperar no deserto, que não é errado, mas ficam acomodadas com as suas vitórias.

Eles colocam toda a sua força em alcançar bênçãos, mas esquecem-se do objetivo principal; a salvação (a Terra Prometida). Eles a desprezam e tornam-se relaxados na vida espiritual até que a conexão deles com Deus acaba. Deus vai para o fim da lista.

Moisés permitiu os pedidos da tribo porque eles insistiram. Mas, mais tarde foram derrotados por reis, levados como escravos e os seus paradeiros continuam a ser um ponto de interrogação na história de Israel.

Priorize a sua alma acima de tudo.

Deus abençoe.

Bispo Randal Brito

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.


O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

1 comentário

Elisabete Nogueira Responder 1 Julho, 2016 às 1:03

Muito forte mesmo esta mensagem.
Eu tenho aprendido a praticar isso mesmo, nos desertos ter as maiores oportunidades para crescer em todas as areas da minha vida.
Deus abençoe o senhor e familia.