20º Dia – No que consiste a fé?

“Passadas estas coisas, havia uma festa dos judeus, e Jesus subiu para Jerusalém. Ora, existe ali, junto à Porta das Ovelhas, um tanque, chamado em hebraico Betesda, o qual tem cinco pavilhões. Nestes, jazia uma multidão de enfermos, cegos, coxos, paralíticos [esperando que se movesse a água. Porquanto um anjo descia em certo tempo, agitando-a; e o primeiro que entrava no tanque, uma vez agitada a água, sarava de qualquer doença que tivesse]. emqueconsisteEstava ali um homem enfermo havia trinta e oito anos. Jesus, vendo-o deitado e sabendo que estava assim há muito tempo, perguntou-lhe: Queres ser curado? Respondeu-lhe o enfermo: Senhor, não tenho ninguém que me ponha no tanque, quando a água é agitada; pois, enquanto eu vou, desce outro antes de mim. Então, lhe disse Jesus: Levanta-te, toma o teu leito e anda. Imediatamente, o homem se viu curado e, tomando o leito, pôs-se a andar. E aquele dia era sábado.” (Jo.5:1-9)

 

Pode pensar: “Que privilégio! Jesus viu aquele homem, falou com ele, curou-o… enquanto eu, estou há anos nesta situação! Não sou batizada com o Espírito Santo, não sou realizada sentimentalmente, não conquisto na vida financeira…”. Vários fatores que pode alegar perante a situação.

Mas, em que consiste a fé?

Quando Jesus fez uma pergunta direta, analise a resposta daquele homem: Alguém enfermo deveria dizer: “Sim!”, mas ele respondeu, ao invés: “Senhor, não tenho ninguém que me ponha no tanque…”.

Ele justificou, de imediato, o motivo de ainda não ter sido curado.

Muitas pessoas dão essa desculpa: “É porque sou fraquinha; ninguém me ajuda, ninguém me acompanhou…” Cheias de desculpas!

Quando, na verdade, a fé não tem desculpas.

A pergunta é feita de forma simples: “Você quer ser curado?!; sair dessa prostração de 38 anos?”

Então: “Levanta-te, toma o teu leito e anda.”

Enquanto murmurar, observar as consequências, as dificuldades; a aparente falta de condições, jamais vai agir a sua fé, e esta, sem obras, é morta!

E o que fez Jesus com aquele homem? Levou-o a tomar uma atitude, para que completasse a “obra” que lhe cabia – a sua parte – levantando-se!

Pare de ficar prostrado e de dar desculpas, esperando que outros tomem a decisão por si. O que tem que fazer, é pegar naquilo que a tem impedido, como aquele homem pegou na sua cama, e agir a sua fé!

Porque é que, muitas vezes, se torna uma pessoa “acamada” na fé? Porque não prioriza as coisas de Deus, e depende das situações à sua volta para resolver os problemas.

Mas quando está resolvida, no seu interior, é ativa na fé!

Talvez esteja na faixa etária dos 40 anos, e preocupada, porque as suas amigas casam, e você fica para “tia”, quando, na verdade, tem que tomar atitudes. E quais? Tomando o seu “leito”!

Como? Tome posse da Palavra de Deus, servindo-O de todo o coração, e diga: “Deus, não sei quem é a pessoa, mas quero que coloque no meu caminho, a pessoa certa!”

Um dia, fiz essa oração a Deus, pois já havia tido um namoro, que não dera certo, e eu queria um namorado, não para passar o tempo, mas para casar. Então, não podia cometer o erro de ficar ansiosa, mas resolver a questão, de uma vez por todas!

Então, decidi investir na minha vida espiritual, servindo a Deus, entregando-Lhe a direção total da situação. E determinava: “No dia do casamento da minha irmã, vão ver o meu futuro marido ao meu lado!”

Eu profetizei!

Você percebe que a fé, faz mover até Deus! Quando profetiza, tem a certeza, participa-Lhe a sua situação, e não fica “acamada”, anos a fio, preocupada com a situação, mas levanta-se e sai adiante. Então, Deus cumpre o determinado, em virtude da sua fé e ligação a Ele!

E, no dia do casamento da minha irmã, como determinado, já estava com o meu futuro marido ao meu lado, namorando há um mês!

Repare no espírito do homem: “Senhor, não tenho ninguém que me ponha no tanque…”.

Você está, igualmente, à espera que alguém a ajude, interceda em seu favor e mostre ao rapaz que você gosta dele?! Acha que outros passam à sua frente, porque não toma uma atitude?! Mas, a sua atitude, não é dirigir-se à pessoa e precipitar-se, pois perde o seu valor como mulher.

O homem gosta de conquistar, então não deve tomar o seu papel.

O que deve fazer, é tirar o “leito” que a faz ficar ansiosa e preocupada, seja com a vida sentimental, financeira, familiar, etc., e olhar para a frente!

“Imediatamente, o homem se viu curado e, tomando o leito, pôs-se a andar. E aquele dia era sábado.”

Nada impediu Jesus de fazer o que deveria ser feito, nem o facto de ser sábado. Nenhuma religião Lhe ditaria o que fazer! O que Ele diz e faz, não se questiona.

Mas, os religiosos, queriam seguir de acordo com os ensinamentos tradicionais.

A fé não é uma religião!

A religião diz: “Tem que dar o dízimo.” Mas, o que Deus ensina, é a priorizá-Lo, além de lhe ser fiel!

O que tem a dizer-me? Faça o seu comentário, que lerei cada um!

Viviane Freitas

Tags:

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *