4º Dia – O que tem Ele para me oferecer?

Olá a todos os internautas. É um prazer estar aqui convosco neste Jejum dos 21 Dias.

Quero aproveitar para lhes dizer que agarrem a vossa oportunidade, pois esta já diz: É uma oportunidade, e não fica constantemente atrás de si… ela passa, e se não aproveitar, pode até dizer muitas coisas, mas nas suas atitudes deixará a desejar, e com isso mostrará que não é uma pessoa de palavra, pois não a honra…

Vamos ao tema de hoje: “O que Jesus tem para lhe oferecer?” Acompanhe… 4dia_cda

“Afirmou-lhe Jesus: Quem beber desta água tornará a ter sede; aquele, porém, que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede; pelo contrário, a água que eu lhe der será nele uma fonte a jorrar para a vida eterna.” (Jo.4:13,14)

Jesus responde à sua pergunta, amigo internauta. Ele vai direto à sua necessidade e à forma como tem procurado resolver as suas questões, a exemplo da sua participação neste Jejum: Será que está a participar porque quer dar um testemunho às pessoas? Ou para dizer que foi batizada com o Espírito Santo? Para ser bem reconhecida no seu trabalho como uma pessoa de Deus… diferente?! Mas saiba que desta forma não está a procurar Jesus, pois Ele não se encontra nesta “água” passageira. O que está à procura é de reconhecimento, e até mesmo da glória das demais pessoas, o que faz com que não esteja apto para buscar a Deus da forma certa. “E qual é esta forma?” Perguntará você… Com certeza não é querer Jesus para mostrar às pessoas, mas porque você precisa! Porque necessita… Já está saturado da sua “injustiça”! Indignado com as suas vontades, desejos, pensamentos que tem alimentado, etc.

Não deve querer o Espírito Santo e nem participar neste Jejum de 21 Dias, para ser glorificado, mas sim para glorificar a Deus com a sua vida e com o intuito primeiramente de honrar a Deus, e não procurando a sua própria honra. É o que muitas pessoas, sem perceberem, fazem: procuram as coisas de Deus para se beneficiarem, para conquistarem a glória para si mesmas e dizerem com a boca cheia que foram batizadas com o Espírito Santo, e não porque estavam indignidas com os seus erros, falhas e pecados. Se procurar desta “água” tornará a ter sede!

Você diz querer o Espírito Santo para vencer o mundo, mas esquece-se da parte da Bíblia em que os homens de Deus passaram por lutas, como João que esteve na prisão aquando da visão das coisas que aconteceriam, descritas no livro de Apocalipse; Jesus foi crucificado, rejeitado entre os Seus… E às vezes você quer a água, mas daquela que virá a ter sede novamente, pois se Jesus estivesse a buscar da água do reconhecimento, de ser respeitado pelas pessoas, Ele estaria com sede e não venceria a morte, pois esta água seria apenas passageira…

Avalie as suas intenções, qual o verdadeiro sentido de estar neste Jejum. Repare nas suas atitudes, pensamentos, vontades, repare em si mesmo!

Uma das coisas interessantes que avaliava, é que muitas pessoas reparam nos erros dos demais, e por isso não reparam os seus próprios; estão aptas para vigiar os erros dos outros, mas não para ver o seu próprio “filme” e o papel que estão a fazer perante aquilo que professam. Dizem algo para Deus e agem de forma distinta!

Você não está definido, pois a definição fá-lo honrar a sua palavra!

“Quem beber desta água tornará a ter sede; aquele, porém, que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede…”

Você está à procura da água que Ele tem para si ou dos benefícios?

Quando estava a ler este versículo pensava nos momentos em que ficamos tão tristes com certas situações… queremos que a nossa vontade sobrepuje a vontade de Deus. E o que acontece? Vivemos sedentos!

Como quando está preocupada com algo pessoal, pensando na sua família, ansiando o seu marido reconhecer e mudar, quando na verdade está a procurar a água da qual terá novamente sede, pois na realidade, eles – o seu marido ou familiar – não serão perfeitos! Então, tudo o que procura não é a água, o Espírito Santo, mas que as pessoas ou as situações estejam a seu favor. Mas se beber da água que Ele tem para lhe dar, não terá sede, nunca mais!

“Como, Viviane?! Como viveremos num mundo cheio de necessidades… não vou querer mais ou desejar?”

Não lhe estou a dizer que tudo cairá do céu, mas que você será uma fonte a jorrar! Não será perfeita, mas estará ativa, atenta, perceptiva à voz de Deus. E por isso beberá da água que Ele lhe dá.

Digo-lhe que uma vez tendo sido batizada com o Espírito Santo e bebido desta água, ainda assim tenho de a beber todos os dias, e para isso tenho que estar perceptiva à Sua voz.

Mas sobre isto falaremos mais durante estes 21 Dias de Jejum.

Quero que esteja atenta e aproveite a sua oportunidade. Agarre, pois ela passa! E espero que não aconteça consigo o mesmo que aconteceu com as cinco néscias: deixaram a sua oportunidade passar porque não vigiaram, não estiveram atentas a si mesmas e por isso a perderam.

Procure a água que Ele tem para lhe dar e nunca mais terá sede, e ainda sera alguém que alimenta outras pessoas, como estou a fazer consigo.

Viu o vídeo da Retrospetiva e tem visto a transparência da minha vida, e isto porque não tenho nada a temer! Só preciso da água que Ele me dá, e é esta que me permite ter para lhe dar. E assim eu quero que você igualmente tenha o que dar.

Seja forte, radical com aquilo que atrapalha a sua fé.

Um grande abraço. Até amanhã!

Viviane Freitas

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *