A primeira fase da mulher

Olá meninas!

Como prometido, hoje vou escrever sobre a primeira fase da mulher, que como eu escrevi na semana passada, não é nada fácil. Aliás, foi nessa fase que tive praticamente todos os meus problemas de casamento… mas calma, você não precisa passar pelo que eu passei, e é por isso que vou dar algumas dicas no post de hoje…

Nós já abordamos aqui que nessa fase somos mais emotivas, impulsivas, e inseguras. Um verdadeiro conjunto de ingredientes que faz qualquer jovem errar feio, infelizmente, mas existe um antídoto.

Assim como muitas de vocês que leram o livro Casamento Blindado, tem participado de nossas Palestras na Terapia do Amor, e assistido nossos programas da Escola do Amor tem aprendido e evitado muitos erros que eu e Renato cometemos, vocês também podem evitar os erros que a maioria das mulheres nessa fase cometem…

Muitas jovens tendem a pensar que precisam cometer seus próprios erros e suas decisões devem ser tomadas de acordo com intuito próprio. O que elas não entendem entretanto, é que se elas estão numa fase impulsiva e insegura, isso quer dizer que o intuito próprio é uma cilada e cometer seus próprios erros é dá uma de “burrinha” – sorry!

  • Não dispense o conselho de pessoas mais experientes que você. Pessoas que tem uma boa reputação e querem o melhor para você.
  • Controle suas emoções através da fé inteligente. Invista no seu espiritual. Por mais que eu tenha errado muito no início do meu casamento, eu não posso dizer que eu sofri por amor, pois através da minha fé, eu superava os problemas, mesmo sem saber resolve-los. A fé faz a maior diferença na vida, e é nela que eu me apoio ainda hoje.
  • Não siga a multidão ao seu redor. Lembre-se que a maioria não tem noção do que está fazendo. Procure pessoas que de fato possam ser referenciais para você – elas são raras, mas ainda existem.
  • Aprenda a se alto analisar. Quem consegue enxergar os próprios erros não precisa de repreensão.

Cristiane Cardoso

Tags: , ,

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *