Como lidar com mulheres implicantes?

mulher-implicante

Parece que algumas pessoas têm o dom de implicar com maestria. Por isso, o convívio com elas torna-se algo desagradável, inadequado e até mesmo inconveniente.

Um exemplo é a sogra que acha que a candidata a nora não é boa o suficiente para herdar seu apelido e coloca defeito em tudo o que puder. E o que falar da mulher que implica com outra mulher? Com a roupa, com o nariz, com aquela barriguinha saliente e até com o cabelo. É comum conhecer alguém que costuma olhar com lupa a vida dos outros para tecer críticas pouco construtivas.

Uma lição

Miriã sentiu na pele o quanto o ato de implicar pode ser perigoso. Suas insinuações a tornaram uma mulher negativa, crítica, amarga e doente. Seus maus olhos a fizeram procurar erro no seu irmão Moisés, que era o líder do povo hebreu. O fato é citado na Bíblia, no livro Números, capítulo 12.2:

“Porventura falou o Senhor somente por Moisés? Não falou também por nós?”

Identifique o problema

Para identificar se a implicante de plantão é você, basta tirar o foco dos outros e olhar um pouco para si mesma. Você vive esperando alguém errar para gritar aos quatro cantos que estava certa? Nunca está satisfeita com o que está ao seu redor? Não perdoa um simples deslize de quem quer que seja?

Diante de respostas positivas, que tal tentar fazer diferente? Faça uma lista com as atitudes que você julga negativas e observe o modo como se comporta diante dos outros. Questione o que existe por trás das suas reações e tente descobrir a origem das suas insatisfações. Já parou para pensar que o problema pode estar em você e não nos outros?

Em vez de procurar defeito nos outros, que tal investir nas suas qualidades? Afinal, quem explora as próprias habilidades não sente dificuldade em enxergar e admirar os pontos fortes dos outros.

Para quem lida com mulheres implicantes, alguns conselhos: mantenha o bom humor e tenha muito jogo de cintura. Não deixe-se abater pelo negativismo ou pela rispidez. Mais cedo ou mais tarde, a ficha de quem costuma reclamar vai cair. Ao menos é o que se espera.

O Godllywood visa auxiliar mulheres em toda e qualquer situação, desde que ela deseje realmente ser auxiliada e moldada para uma mulher melhor.

Com informações de: universal.org

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.


O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

1 comentário

Helenice Dias Responder 1 Julho, 2016 às 2:32

Verdade godllywood quem participa de coração aberto e faz as tarefas com propósito de mudar no fim colhe toda diferença em si mesmo, amei fazer o rush houve grandes transformações em minha vida.