Ex-complexada

Oi, dona Cris. Tudo bem?

Sou a Monaisa e gostaria muito de agradecê-la por ter entrado em minha vida!

Eu tinha muitos complexos por minha cor de cabelo e por tudo. Tentei várias vezes me matar, até que um dia me casei aos 15 anos, e meu marido (com 24 anos) praticamente me pegou para criar. Mas eu o traía, saia à noite com as amigas e o deixava dormindo, só chegava de madrugada, até um certo dia em que ele me deu o seu livro “A Mulher V“.

Com uma certa ignorância, eu recusei o presente até o dia em que não aguentava mais ouvir todos falarem para eu me comportar como mulher casada e parar de ser vergonha para meu esposo. Peguei o livro e me identifiquei com várias coisas. Coisas que eu comecei a praticar e a mudar.

As minhas roupas foram mudando e a raiva que eu tinha da minha mãe, que me abandonou por dois meses, sumiu. Não tive uma família estruturada, eles me espancavam e até tentativa de abuso por parentes próximos passei, mas hoje sou uma mulher completa sem mágoa, raiva, e eu só tenho a agradecer!

Sei que talvez a senhora nem vai ver essa mensagem, mas deixei um pedaço do que a senhora e o meu Senhor Jesus fizeram em minha vida. Muito obrigada! Hoje faço parte do Godllywood e eu me amo, amo meu marido e, principalmente, as pessoas que me machucaram. Muito obrigada, D. Cris, por entrar em minha vida!

Ysa Vieira

PS. Meu antes e depois.

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *