Meu gosto: Decoração

Olá a todas as internautas!

Hoje vamos conhecer um pouco sobre a decoração que opto para os ambientes aonde eu tenho a oportunidade de trabalhar.

Sabem que o ambiente aonde vivemos ou trabalhamos ajuda-nos a executar melhor as tarefas, conviver ou não. Se o ambiente onde executamos as nossas responsabilidades é pesado, então dificulta mais a concentração e até mesmo a nossa própria harmonia.

Se o local também é desorganizado ou tem muitas informações diante dos olhos, vai cansá-la e irá impedí-la de focar naquilo que deve-se concentrar.

Veja que nesta foto abaixo vê essa harmonia. Não tem muitas cores e nem muita decoração. Somente as paredes é que são trabalhadas e os quadros têm a mesma moldura e as mesmas cores nas fotografias. Que inclusive são do meu marido, fazendo assim valorizar o tempo que ele investe nas mesmas.

fec3b33a8db8ef0c8919c312a98245fa

Isto é um corredor de escritório, não tem janelas. Então, como pode ver, esta foi a opção que propus para este local, do qual tive a oportunidade de escolher tudo, isto é: chão, paredes, cores e mobílias.

1a914db25db8113ee7e1e5ed98f52478

Optei pelo branco justamente por ser um tom mais claro e que traz mais alegria para o ambiente. Especialmente porque é um local de trabalho, onde a cabeça “cozinha” de tanto usar a mente.

4b870feebad1b06040be5c5bd6ddc51f

Porquê tudo branco? E apenas alguns retoques?
O branco traz a sensação de limpeza e claridade. E em tudo o que pensei foi trazer essa claridade que o corredor não tinha anteriormente. Trazer alguma luz e também mais alegria. Já que antes era tudo escuro: chão escuro; madeira avermelhada; parede cor de laranja. Não tinha nenhuma harmonia! Não era um lugar sugestivo às boas vindas e sim um ambiente muito carregado.

Então minha amiga internauta, se tem a oportunidade de investir num ambiente de trabalho ou em casa, escolha algo pelo qual se identifica e também colabore com a harmonia que pretende alcançar. Como mais aconchegante, mais espaçoso ou mais aberto, etc. É você que pode ditar as escolhas que faz.

Viviane Freitas

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *