O quê fazer com esses hormônios?

Você sabe por quê fazer a “Terapia de Reposição Hormonal”?

Bom, quando você está em torno de seus quarenta e poucos anos ou até antes disso, seu corpo começa a ter uma queda de hormonio estrogênio. Com menos estrogêno sendo produzido em você, alguns efeitos no organismo tais como fragilidade óssea, menos capacidade de perder peso, o seu nível de energia começa a diminuir, a memória não é tão acentuada, pode ter dores articulares, seu sono não é tão profundo como costumava ser antes, e as temidas ondas de calor começam a surgir. Tudo por causa do tal “estrogênio”. Se a menopausa tornou sua vida tão complicada que você mal consegue viver normalmente por causa desses sintomas, então os benefícios da TRH (terapia de reposição hormonal) poderiam muito bem superar esses riscos.hormonio_cda

Na década de 90, a TRH tornou-se muito popular e muitas mulheres correram para obter suas receitas até que mais a frente alguns testes revelaram alguns efeitos colaterais graves. Esses medicamentos ajudaram a cessar as ondas de calor na maioria das mulheres e tornaram seus ossos mais fortes e saudáveis. Inúmeras mulheres se sentiram mais fortes e enérgicas, como se a juventude estivesse sendo restaurada ou prolongada. TRH parecia fazer milagres. Porém hoje, vários médicos que investigaram este tratamento se recusam a prescrevê-lo. Os riscos de doenças e ataques cardíacos, acidente vascular cerebral, coágulos de sangue e câncer de mama transformaram a milagrosa TRH em um perigo a ser evitado.

O tratamento de TRH deve ser prescrito por um médico e para você segui-lo é necessário fazer um check-up e ver o que seria melhor para você. O tem sites que afirmam que substituições de estrogênio podem ser feitos através de pílulas, adesivo para a pele, gel, creme ou spray e continua sendo o tratamento mais eficaz para o alívio dos sintomas da menopausa . Repor o estrogênio também ajuda a combater os problemas vaginais causados pela menopausa tais como a falta de lubrificação, ardor e desconforto. Há também outros tratamentos contra a falta de lubrificação vaginal e problemas do trato urinário que podem ser tomados em conjunto com a TRH ou separadamente.

Uma coisa que sabemos é que todo medicamento possui riscos e efeitos colaterais e a questão é: você tende a ganhar mais ou a perder ao tomar essa medicação? Nem todas as mulheres que fazem TRH sofrem com esses efeitos colaterais, algumas até não sentem absolutamente nada, mas há sempre o risco e por isso é você quem precisa fazer esta decisão. Amiga, esteja ciente que a TRH não é um remédio milagroso e que os riscos são graves.

Minha irmã, que é sete anos mais velha do que eu, sempre foi muito preocupada com sua saúde. Quando ela entrou na fase da perimenopausa e depois da menopausa, ela tentou todo tipo de suplemento e método natural, mas nada funcionou. Foi então que ela finalmente recorreu a TRH e felizmente suas ondas de calor e todos os demais sintomas cessaram. Ela permaneceu fazendo a terapia de reposição hormonal por dois anos e desde então parou o tratamento, mas ainda se sente muito bem e não sofre com os efeitos colaterais. Agora ela não precisa mais se preocupar com os períodos menstruais, o que digo de passagem – é um ótimo bônus para a menopausa!

Sendo assim, eu sugiro que você se torne o mais saudável quanto possível. Mude sua dieta, corte os refrigerantes e alimentos gordurosos mergulhados em calorias. Se alimente com grãos integrais, muitas frutas e legumes, carnes magras, vitaminas e sempre bebendo muita, muita água potável para saciar sua sede. Caminhe, corra, malhe, se fortaleça. Ative os batimentos do coração, permita seus pulmões respirar ar puro e faça seu sangue circular bem. Tome alguma vitamina de boa qualidade para mulheres da sua idade. Não economize no preço – você merece o melhor! Experimente suplementos naturais recomendados para a fase da menopausa e veja se será bom para você.

Se ainda assim você continua sofrendo com todos os sintomas da menopausa, entre em contato com sua ginecologista ou ortomolecular e descubra com o auxilio dela qual tipo de TRH é ideal para você. Não deixe de trabalhar em sua saúde, invista no que é natural de forma que seus cuidados juntamente com a TRH possam trazer os melhores resultados. Eu gostaria de agradecer a ‘Julie’ do Reino Unido que deixou um comentário muito intessante em um post anterior:

“Obrigada por abordar este assunto de modo que as mulheres que estão se aproximando desta fase irão tomar conhecimento e não cometer o erro que eu cometi. Quando eu estava passando por esta fase, eu não prestei a devida atenção nela, pensando que porque eu era uma mulher de Deus (religiosa), não precisaria me importar com isso. Só que com o passar dos anos, o problema que eu tinha em meu joelho piorou, e ainda assim eu não fiz nada para tratá-lo. Eu não quis olhar mais a fundo e entender sobre a menopausa porque antes eu havia tentado a TRH e causou um efeito negativo em mim, e depois disso não tentei mais nada. Eu não sofria com muitos sintomas, apenas com as ondas de calor e a sensibilidade, então achava que estava tudo bem. Hoje meu joelho esquerdo precisou ser substituído, e sei que foi por negligência e religiosidade da minha parte”.

Amigas, sejamos cautelosas – Fé e Inteligência andam de mãos dadas!

Cristiane Cardoso

Tags:

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

1 comentário

suzana Marques Responder 8 Dezembro, 2014 às 2:04

Eu gostei dessa pouca informação, mas que foi muito válida. Quero acrescentar e informar mais que a menopausa é a partir dos 50, 51 anos … muitas mulheres ficam com 54, outras por motivos de doença nos ovários, útero e mais têm menopausa precoce mais cedo. Eu estou na fase da pré- menopausa com 53 anos(jovem) e tenho sentido ondas de calor só de vez em quando nesse outono de Portugal. Eu não tomo nada, nenhum medicamento … estou bem.