O que você tem que fazer diante do impossível?


Olá a todos, é com prazer que estamos aqui!

Hoje vamos dar continuidade ao livro de Hebreus. Estamos a falar sobre a fé, e o mais importante de tudo o que temos abordado, é a prática. De nada adianta falar, gostar muito de mim e ter carinho a meu respeito, quando não exercita essa fé!

A Palavra de Deus transmite vida, se por acaso a sua vida está sem novidade, sem “algo” que lhe dá força ou que a faz projetar, ter objectivos, então há alguma coisa errada com a sua fé. Talvez esteja apenas a ter o conhecimento da Palavra de Deus, mas não está a trazê-la à existência na sua vida.

Todas as vezes que acompanha o blog ou estiver sozinha a ler a Bíblia, a meditar, na igreja, tem que reparar a si própria. Depois daquela reunião, daquela mensagem, do áudio ou da sua meditação, pense: Como é que está a agir? Será que apenas se “recorda”, ou talvez até se esquece do que aconteceu na reunião, daquilo que leu no dia… Isso não pode acontecer! Porque a fé é alimentada através da Palavra de Deus.

No livro de Hebreus 11:29, diz o seguinte:

“Pela fé, atravessaram o mar Vermelho como por terra seca; tentando-o os egípcios, foram tragados de todo.”

O que faz diante do impossível? Será que espera Deus fazer algo por si?

Veja que, para abrir o mar vermelho, Moisés teve que estender o cajado. Lembra-se que os Egípcios estavam a correr com os seus carros e cavalos, para matar e destruir os Hebreus? Moisés começou a clamar a Deus e Ele respondeu-lhe: “…Moisés porque clamas a mim? Estende o teu cajado…”

Muitas vezes pensa que quando está diante do impossível tem que ficar a clamar a Deus, a jejuar, a orar ou a orar de hora em hora. Na verdade, é uma atitude que tem de ser tomada, tem que “partir” para cima, “estender o seu cajado” e tocar no mar! Tem que “tocar” no problema.

Qual é o problema que tem vivenciado que é impossível?

Então, minha amiga, use a sua fé! Exercite-a! Vá para “cima”, não fique à espera de Deus ou de alguém fazer alguma coisa. Fale com Ele e use a sua Fé! Muitas pessoas ficam a orar e a esperar que aconteça alguma coisa extraordinária do lado de fora, e não fazem nada… Não é só orar. É exercitar essa fé! É ir lá, trabalhar, executar aquilo que necessita ser executado. Às vezes, tem que enfrentar a sua vergonha, o seu medo, tem que fazer algo, não pode esperar… Tem que “atravessar”!

A fé ensina-nos a avançar! E aos Egípcios, ao diabo que está doido para “tragá-la”, tem que mostrar a sua fé e quem é o seu Deus. Ele não é verbal, é vivo e eficaz na sua própria vida. Quando exercita a sua fé, glorifica-O. Quando não o faz, Ele não é glorificado…

Minha amiga internauta, o poder está nas suas mãos…

E agora, o que irá fazer hoje? O que irá fazer diante das reuniões e dos blogs que tem acompanhado? Vai ficar à espera de “fulano ou ciclano” fazerem aquilo que você tem que fazer? Negativo! Comece já a fazer o que tem que ser feito!

Escreva aqui no blog o que vai fazer a partir de hoje e não se esqueça que não é só falar… Há muitas pessoas que falam muito, mas executam pouco. Fale e procure resolver, fazer o que lhe compete, é um compromisso que tem consigo mesma. Seja uma pessoa de palavra! Tem que ser uma mulher ou um homem de palavra, e não de brincadeira.

Um grande abraço e até para a semana!

Viviane Freitas

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *