Os maiores Mandamentos

2015-06-05_S79C22_MIRIA-VE-HUR-E-HENUTMIRE-JUNTOS_MUNIR-CHATACK-2

“No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.”
Um deles, perito na lei, o pôs à prova com esta pergunta:

“Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?”

Respondeu Jesus: ” ‘Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento’.

Este é o primeiro e maior mandamento.

E o segundo é semelhante a ele: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’.

Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas”.

Mateus 22:36 – 40

Tem gente que adora colocar os outros à prova, e por incrível que pareça, normalmente são pessoas que dizem professar a mesma fé. Elas não só colocam os outros à prova como o faz com “todo respeito possível”… “Mestre”… ou “Dona”… Ha! O Senhor Jesus nos ensinou como lidar com essa gente… vamos fingir não ver. Bom… vamos ao que interessa dessa passagem…

Veja que dos dez Mandamentos, dois foram citados como maiores: Amar o Senhor, o seu Deus, de todo o coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento e o segundo, amar o seu próximo como a si mesmo. Isso porque esses dois Mandamentos resumem todos os demais.

Quando você ama a Deus acima de tudo nessa vida, você anda em Seus princípios, você O respeita, e vive a sua vida de acordo com a Sua vontade. Essa é uma das razões porque eu confio no meu marido, porque eu admiro os meus pais, e tenho as amigas que tenho: eles amam a Deus acima de tudo e por isso, me fazem bem.

Os segundo maior Mandamento está ligado ao primeiro mas infelizmente nem todo mundo que pratica um pratica o outro… eu fui uma dessas pessoas.

Eu amava a Deus acima de tudo (e continuo O amando), mas em segundo lugar, estava o meu marido. Esse Mandamento na verdade não só diz respeito ao nosso próximo mas também a nós mesmas, e geralmente nos esquecemos disso.

Para você amar uma outra pessoa como a si mesma, você precisa se amar primeiro.

Quem pratica esses dois Mandamentos, pratica os demais.

Cristiane Cardoso

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *