Voltando ao Passado – 20ª Parte : O Oculto Revelado

diario20Infelizmente assisti a esse filme na realidade: A vida de um pastor que esteve ao meu lado junto com a sua esposa, desmoronar, e com uma filha adotada.

Veja o que aconteceu.

Naquela reunião de pastores aonde foi exposto o erro dele diante de todos nós, a esposa do pastor perdeu o “chão”, com tal decepção. E eu, procurei-a no final da reunião para poder ajudar naquilo que eu pudesse. E a primeira coisa que a esposa fez, foi pedir-me perdão.

Perdão?
Mas porquê? A minha intenção era ajudar e ela vem-me pedir perdão?
Perdão porquê?

Ela disse: “Viviane, sabe aquela vez que você tentou resolver o problema comigo? Pois é, eu realmente tinha um problema com você, mas eu escondi. E eu quero lhe pedir desculpas. Eu reconheço que não estava bem”.

Eu fiquei pasma!
Não estava guardando nada do passado, e até tinha pensado que eu estava fazendo uma tempestade em um copo d’água. Mas ela sim, tinha uma “dívida” comigo.

Eu disse: Não se preocupe, já passou! Acredito que devo ter dado um abraço naquele momento, porque em momentos como estes, sinto necessidade de abraçar para abrigar e não deixar a pessoa ser consumida pela acusação.
Eu disse-lhe: “Estou aqui porque quero ajudá-la.”

Anos se passaram… eles foram enviados para a Espanha. E de lá foram enviados para a Argentina, porém ao chegar ao aeroporto da Espanha, com a passagem na mão, ele chega para a sua esposa e dá-lhe a notícia, que ela vá com a filha para a Argentina porque ele ficaria na Espanha com uma outra mulher.

Para mais uma decepção dela, agora aquela mulher tinha uma filha adotada sem pai… enfim, sem um lar estruturado. E nenhum futuro, porque a esposa do pastor não trabalha.

Ao pensar nisso, dá-me muita tristeza, mas tudo teve um começo. Aparentemente ela foi a vítima dele, porém ambos começaram na obra de Deus mal. Muito mal!

Ela havia me contado quando eu estava na igreja de Cascais, que eles tinham tido relacionamento sexual antes do casamento. Foram disciplinados na altura, porque ele já era auxiliar, mas infelizmente tanto ele quanto ela, não aprenderam com os erros cometidos.

O casal que conhece a verdade e escolhe fazer as coisas do seu jeito, da sua maneira, para depois então pedir perdão, não é confiável.
Não é confiável, nem para ela e nem para ele, a não ser que haja F R U T O de A R R E P E N D I M E N T O.

Porquê?

Porque no momento da prova dos dois, de revelarem serem fiéis a Deus, revelam a falta de temor. E ao fim, quando se casam, um leva consigo os fatos da falta de temor de ambos. E isso gera muitos problemas: Ciúmes, medo da justiça. E aí… o que se espera quando a pessoa quer esconder do que é justo?

Este caso, “diz-me” muito.
Não há nada em oculto que não venha a ser revelado. Um dia tudo vai ficar exposto. E quem esconde é porque está vivendo no escuro.

Mesmo que não tenha ninguém que o assista, tem a sua consciência que sabe do que é verdade. É você que decide em querer Jesus ou o reino do diabo.

Ouça este audio: Reino de Deus: Expulsar o mal

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *