Notícia

Até onde você está disposto a ir?

dashrath-manjhi Em 1960 havia um homem chamado Dashrath Majhi, residente na vila de Gehlaur, na Índia… ele era o mais pobre da sua família.

Um dia, a sua esposa, ao subir o monte que separava a vila deles de outra cidade para lhe trazer comida, escorregou e caiu. Os seus ferimentos eram graves, e ela necessitava de atenção médica urgente, porém, a cidade mais perto ficava a 70 km. Dashrath fez de tudo para salvar a sua esposa, mas ela faleceu a caminho do hospital.

Revoltado com a morte dela, Dashrath decidiu fazer o impensável – cavar um caminho pelo mesmo monte onde ela morreu, para que o caminho entre a vila dele e a cidade principal diminuísse de 70 km para 15 km. Ele não queria que mais ninguém passasse pela dor que ele passou. Dashrath completou esta tarefa, com as suas próprias mãos, usando apenas martelos e cinzéis, 22 anos depois, em 1982.

“Quando comecei a martelar, as pessoas chamaram-me de louco, mas isso somente aumentou a minha determinação.”

Todos os que zombavam dele durante os 22 anos, eventualmente, passaram a apoiá-lo com comida e ferramentas. Hoje, o caminho de 110 metros de ponta a ponta, 7.6 metros de profundidade e 9 metros de largura serve como passagem principal para todos os moradores da sua vila.

O seu esforço ganhou admiração nacional e ficou conhecido como o “Homem do Monte”. Aos 73 anos faleceu de cancro e recebeu uma homenagem póstuma do governo Indiano.

dashrat-manjhi-road

 

Quantos desistem dos seus objetivos e sonhos após 1 semana, 1 mês, 6 meses, 1 ano ou 10 anos?

Quantos não justificam os seus fracassos com a falta de oportunidades ou ajuda dos outros?

Quantos quando estão diante das suas fraquezas e problemas, fortalecem-nos através do medo, do desespero ou da ansiedade?

Não subestime a força que uma pessoa revoltada e determinada pode ter, ela é capaz de revolucionar tudo e todos ao seu redor. Não se subestime. Faça como o Dashrath, escolha a sua meta e lute até alcançá-la.

“… se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá — e há-de passar; e nada vos será impossível.”

Mateus 17.20

E se o monte não se mexer, derrubá-lo-emos, mas, parados não podemos ficar!

Estamos nos 52 dias da Reconstrução, das Ruínas para o Sucesso. Participe e reconstrua o que foi destruído!

Tenha uma ótima semana!

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

1 comentário

Rodrigo Silva Responder 16 Setembro, 2014 às 17:23

Infelizmente é isso que temos visto, pessoas desistindo de seus objetivos e sonhos, e muitos desistem quando já tinham percorrido um longo caminho. Por isso nós do CdA estamos num propósito de Fé para tirar a sua vida das ruínas para o SUCESSO. Mas Claro, isso só acontecerá com REVOLTA, CORAGEM E PERSEVERANÇA. Se você precisa destes ingredientes procure ainda hoje um CdA mais próximo pois vai recebê-los. NÃO DESISTA