Notícia

Reajustar o foco

lutaEsta semana, Ronda Rousey, a lutadora mais bem paga da história do Ultimate Fighting Championship (UFC), revelou que pensou em suicídio após a sua derrota devastadora a Holly Holm, por nocaute.

Rousey, invicta em 12 concursos de artes marciais misturadas, na defesa de seu título, perdeu ao enfrentar Holm no dia 15 de novembro 2015.

Em uma entrevista franca no programa de Ellen DeGeneres, Rousey admitiu sofrer de depressão na sequência da perda.

“Eu estava na sala médica, sentada no chão, e estava me perguntando: ‘O que sou mais, se não sou isso?'” disse Rousey, com lágrimas nos olhos.

“Pensei em me matar…na minha cabeça eu dizia, ‘não sou nada, será que não sou capaz de mais nada? Ninguém vai querer saber mais de mim!”

“Então olhei para o meu namorado Travis [Stevens, atleta olímpico de Judo], e logo pensei, ‘eu ainda quero ter os seus bebês, preciso continuar vivendo…não posso desistir agora.'”

Ao ler esta notícia, me veio um pensamento: No momento, o motivo principal desta mulher ter decidido continuar a viver foi o namorado, e a possibilidade de poder iniciar uma família com o mesmo…e se ele, por algum motivo, a deixasse amanhã? O que seria dela?

O maior erro que podemos cometer é fundamentar a nossa vida ou futuro em algo inconstante, seja isto um sentimento (inconstantes como as ondas do mar), uma pessoa (hoje estão do nosso lado, amanhã podem não estar, em todos os sentidos), uma posição (a vida é uma roda gigante, se estamos no topo hoje, amanhã podemos não estar mais) etc.

Infelizmente, por não entenderem isto, a maior parte da humanidade caminha em círculos, com decepções atrás de decepções, sempre a pensar “Será que nunca serei feliz?! Há sempre algo ou alguém que me decepciona!” E sempre haverá! Sempre haverá algo, ou alguém, para distrair a nossa atenção daquilo que realmente importa, ou de alcançar os nossos objectivos.

Não importa se somos atletas, empresários, funcionários, desempregados, pais, mães, filhos, cidadãos… a base e o segredo de uma vida realizada é simplesmente:

DEUS

E porquê? Porque Ele é O ÚNICO que é CONSTANTE, seja qual for a circunstância ou situação. Tudo neste mundo muda, mas Ele, e aquilo que Ele promete, sempre foi, e será O MESMO. Se a fonte da sua inspiração, força, determinação e alegria for ELE, você nunca será derrotado(a)! Você pode cair, mas vai sempre se levantar.

“Eu sou o Senhor e não mudo. (…) Voltem para mim, e Eu voltarei para vocês.”

(Mal 3:6,7 NTLH)

Caro leitor, se neste momento você está a passar por uma decepção, ou um momento extremamente difícil na sua vida, pense nisso:

Será que não chegou o momento de reajustar o seu foco?

Lembre-se…Ele prometeu:

“Eu digo isso para que, por estarem unidos comigo, vocês tenham paz. No mundo vocês vão sofrer; mas tenham coragem. Eu venci o mundo.”

(João 16:33 NTLH)

E se estivermos com Ele, venceremos também.

Imagem: dailymail.co.uk

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

2 comentários

Humar Santos Responder 18 Fevereiro, 2016 às 19:18

Interessante que eu acompanhei parte da carreira desta atleta, e de certo, 1° ela perdeu o foco para aquele combate e 2°, não tendo o seu foco no mais importante, DEUS, quando os outros focos são perdidos, o único resultado é a queda.

Augusto Coelho Responder 21 Fevereiro, 2016 às 1:22

Pastor Alex indica o correto sem dúvida de erro. DEUS é a certeza.