Notícia

4º Encontro Interdenominacional no Templo de Salomão

Internacional |

4Encontro-Interdenominacional-Templo-S

“Onde estiverem dois ou três reunidos em Meu nome, aí estou Eu no meio deles.”

Mateus 18.20

A tão conhecida promessa do Senhor Jesus trata de pessoas, e não de denominações. E foi seguindo essa direção que neste sábado (23) aconteceu, no Templo de Salomão, na capital paulista, o “4º Encontro Interdenominacional”. A reunião foi comandada pelo bispo Edir Macedo e contou com a presença de líderes religiosos de todo o Brasil.

Alguns grupos chegaram em caravanas, como um de Minas Gerais, com mais de 200 pessoas, de diversas denominações da capital mineira, Belo Horizonte, e do interior do estado. Nele estavam o bispo José Renato Rocha e a esposa dele, a bispa Regina Rocha (os dois na foto abaixo), da igreja Fonte dos Milagres, que participaram do encontro pela primeira vez. Eles contaram que receberam o convite com muita alegria. ” Meu sonho era pisar aqui (no Templo). Fizemos até pedido em oração no início do ano porque queríamos realizar esse sonho. Não acreditei quando vi acontecer tão rápido”, contou a bispa.

“A Universal é a nossa referência. Nos espelhamos no trabalho realizado aqui. Vejo o bispo Macedo como um grande líder, que no meio evangélico faz a diferença”, afirmou o bispo José Renato.

aprumando-passosAprumando os passos

“Fomos chamados para levar a disciplina do Reino de Deus aos povos. Mas para isso devemos viver na prática dessa disciplina.” Foi com essas palavras que o bispo Macedo, em oração, deu início ao encontro. Usando como base a Bíblia, no Salmo 73, ele destacou por que muitos pastores e membros dentro das Igrejas, de um modo geral, não têm desenvolvido o seu chamado.

“Por vezes exercem o seu ministério com fidelidade, porém, os seus olhos observam a prosperidade, não vivem em comunhão com Deus, e isso os amargura. Quem escreveu esse Salmo foi o levita Asafe, um homem santo, que servia a Deus no Templo, mas, mesmo assim, ele diz que quase se desviou da fé, porque sentia inveja dos ímpios. Mesmo servindo no Templo, invejava os que estavam fora do Templo.

Sabe lá o que é servir ao Altíssimo, o mais alto privilégio, e ter inveja dos que não O servem?” – ressaltou o bispo, acrescentando que Asafe queria entender por que isso acontecia e encontrou a resposta quando entrou no Santuário e ali reconheceu a sua condição (versículo 17).

O bispo Macedo ainda lembrou da passagem bíblica em Jeremias 48.10, que diz “maldito aquele que fizer a Obra do Senhor fraudulosamente”, destacando que fraudamos quando só pensamos em nós mesmos, nos nossos próprios interesses, e deixamos de pensar nos interesses de Deus. Ele convidou para uma oração todos aqueles que estavam ali e queriam interromper esse processo de destruição em suas próprias vidas, por estarem vivendo dessa forma, mas que queriam aprumar os seus passos no caminho certo.

Para a obreira Neuselir Sodré, de 40 anos, da Assembleia de Deus, que veio em caravana de Niterói (RJ), o encontro foi de muito aprendizado. “Toda a pregação despertou o meu entendimento. Foi como se fosse diretamente para mim.”

reinodeDeus“O Reino é de Deus”

“O bispo Macedo está distribuindo aquilo que Deus deu para ele para os outros, para que não somente a Igreja cresça, mas todo o corpo, todos os outros ministérios. Se placa de Igreja fosse importante, não ficava do lado de fora, pegando sol, chuva e poeira. Nós sabemos que o Reino não é da Universal, da Assembleia ou da Batista, o Reino é de Deus”, disse o bispo Inaldo Silva (foto acima), que há 2 anos está à frente do trabalho interdenominacional da Universal.

Independentemente de reuniões como essa, todas as pessoas, de qualquer denominação ou credo, são sempre bem-vindas no Templo de Salomão. Acesse o site otemplodesalomao.com e saiba os horários e dias das reuniões. Participe.

Veja mais fotos do encontro na galeria abaixo: