Notícia

O cantor George Michael morreu deprimido

Internacional |

12963803_10154170062861095_3891575650084904266_n-690x460No dia 25 de dezembro, Natal, o mundo recebia a notícia do falecimento do cantor britânico George Michael, aos 53 anos.

O cantor, que vendeu mais de 100 milhões de discos em sua carreira, oficialmente sofreu um ataque cardíaco. A família dele, porém, acredita que as drogas são responsáveis por sua morte.

De acordo com os poucos amigos e familiares que costumavam ter permissão para visitá-lo em sua luxuosa casa, na região de Oxfordshire (sul da Inglaterra), George Michael não estava satisfeito consigo mesmo. Segundo um primo, o cantor estava deprimido e saía cada vez menos de casa. O motivo da depressão era a insatisfação com o próprio corpo. Antes considerado “sex symbol”, ele havia engordado muito devido ao frequente uso de drogas.

“Ele havia mudado muito com o passar dos anos, ficou muito maior e usava óculos”, lembra Catherine Wheel, gerente do pub que George costumava frequentar desde que mudou para a região. “Ele apenas não se parecia mais com o George Michael. Isso é muito triste.”

Todos envelhecem

Diariamente, milhares de pessoas se angustiam pelo mesmo motivo que George Michael: não serão jovens para sempre.

O inconformismo diante do envelhecimento faz com que alguns abusem de plásticas e procedimentos estéticos, colocando a saúde em risco. Outros caem em depressão e vivem reclusos da sociedade, como aconteceu com o cantor.

“Se o ser humano não estiver atento ao seu coração, verá que rapidamente ele se torna um vaidoso diante das conquistas. E viver nessa vaidade é viver no ‘vazio do vazio’”, explica a escritora Núbia Siqueira.

Ter boa aparência é bom enquanto o cuidado com a saúde se mantém. Quando isso se torna uma obsessão, um vício, o risco de viver em tristeza crônica é grande.

“Para não se frustrar, compreenda o propósito da sua vida neste mundo e coloque toda a sua força na busca da Eternidade com Deus. A satisfação de ter paz com Ele é incomparável. A beleza e a força espiritual que vêm dEle o tempo não rouba. E ser eleito em Seu coração nos torna o mais feliz dos seres humanos”, afirma Núbia.

Fonte: Universal.org

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.


O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *