Notícia

Crianças e adolescentes invocam espírito

Internacional |

charlie-charlieA confusão na Escola de Tempo Integral José Carlos Mestrinho, na zona sul de Manaus (AM), assustava.

Alunos eram atendidos por professores, a Polícia Militar tentava conter pais em alvoroço no portão, uma aluna saiu de maca, levada pelo SAMU, outra saiu no colo do paramédico. Emissoras de televisão gravavam reportagens e até o Conselho Tutelar foi acionado, tendo comparecido a uma reunião extraordinária entre pais e professores no dia seguinte.

Tudo isso porque um estudante, utilizando dois lápis e um papel, resolveu invocar o espírito mexicano Charlie Charlie, imitando o ritual que ficou famoso nas últimas semanas na internet.

No dia seguinte, muitas crianças não voltaram ao colégio, ainda aterrorizadas. Pais relatavam que os filhos tinham medo, estavam falando coisas sem sentindo, tiveram pesadelos a noite inteira. O que era para ser uma brincadeira tornou-se uma verdadeira assombração.

Em outra escola, essa em Boa Vista (RR), estudantes realizaram o mesmo jogo. Como consequência, cinco deles passaram mal, a ponto de precisarem ser socorridos pela Polícia Militar. Até mesmo um dos policiais que socorriam as crianças precisou de atendimento dos colegas. Diante da situação, um outro policial – que preferiu não se identificar – levou as crianças e o companheiro de trabalho até uma Universal. Lá eles foram atendidos e tranqulizados.

Em nota, a Secretaria de Comunicação do Governo de Roraima informou: “Os estudantes receberam uma orientação religiosa rápida, visando acalmá-los. Depois de mais tranquilos, os adolescentes foram liberados.”

Charlie Charlie challenge

O “Charlie Charlie challenge”, ou “Desafio do Charlie”, é algo semelhante à “Brincadeira do compasso” ou ao “Jogo do copo”, que já foram famosos entre crianças e adolescentes brasileiros. A ideia é convocar um espírito para que ele responda perguntas.

A primeira menção ao desafio foi realizada na rede social Twitter. Em 2 dias, mais de 2 milhões de pessoas realizaram o desafio e postaram vídeos e mensagens na internet. Nesse meio tempo, além das crianças manauenses, relatos de pessoas passando mal, e até mesmo sendo hospitalizadas, aconteceram no Brasil, Colômbia, Estados Unidos, Inglaterra e vários outros países.

Veja a seguir, num dos vídeos disponíveis no Youtube, como funciona:

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

1 comentário

Lady Rodríguez Responder 4 Junho, 2015 às 2:49

Yo no se como funciona ese juego y ni quiero saber, es triste q las personas invoquen espíritus e ignoren las consecuencias de ellas.
Gracias doy a Dios por haberme librado de eso mostrándome la verdad antes