Notícia

Mãe de 7 emboscada para a morte enquanto pregava

Internacional |
eunice-olawale

Uma mulher cristã foi morta supostamente por radicais muçulmanos na Nigéria e o seu corpo mutilado foi encontrado numa poça de sangue, juntamente com a Bíblia e o megafone que a mesma usava para pregar

De acordo com os média locais, Eunice Olawale, de 41 anos, pregadora numa Igreja Cristã Resgatada da Nigéria e evangelista, foi morta nas primeiras horas de sábado, enquanto estava a evangelizar perto da capital nigeriana.

O marido da vítima, Olawale Elisha, contou aos média locais que a sua mulher saiu de casa por volta das cinco horas da manhã de sábado para pregar no bairro, mas nunca mais voltou.

Elisha, que é pastor na mesma Igreja, explicou que a sua mulher lhe tinha dito que tinha encontrado anteriormente pessoas de uma mesquita próxima que tinham levantado problemas com a sua pregação. O mesmo disse que não se tinha apercebido do que tinha acontecido à esposa até que dois dos seus filhos, que tinham ido jogar futebol, ouviram outros rapazes falarem sobre uma mulher que tinha sido assassinada enquanto estava a pregar naquela manhã.

“Fui até à esquadra com os meus filhos e, quando chegámos lá, vimos o corpo, já sem vida, da minha esposa na parte de trás da carrinha da polícia”, relatou Elisha.

Segundo o jornal Vanguard, a vítima foi esfaqueada na barriga, nas pernas e na garganta, e foi encontrada com cabeça deitada em cima da Bíblia.

A polícia prendeu alguns suspeitos que acredita terem estado envolvidos neste crime.

Palavra de Deus

Muitas pessoas desanimam ou acabam até por desistir da sua Fé, por causa das perseguições que sofrem diariamente; já outras têm dado as suas vidas para levarem a Palavra de Deus a todo os cantos do mundo e a todo o ser humano.

“Lembrai-vos da Palavra que vos disse: Não é o servo maior do que o seu senhor. Se a Mim me perseguiram, também vos perseguirão a vós; se guardaram a Minha Palavra, também guardarão a vossa.”

(João 15.20)

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.


O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *